Listas

Prós e contras do Chevrolet Onix: Saiba como é ser dono de um exemplar

Confira todos os prós e contras do Chevrolet Onix e descubra como é ter um exemplar na garagem.

por

Murilo C.

Publicado em

ANÚNCIOS

Confira os prós e contras do Chevrolet Onix

É muito comum pessoas gostarem de determinado modelo de veículo. Mas gostar e apreciar é algo totalmente diferente de ter, não é mesmo? Pois bem. Pensando em trazer à tona como é ser dono de um exemplar nós do Senhor Carros vamos te mostrar quais são os prós e contras do Chevrolet Onix

Prós e contras do Chevrolet Onix

O simples fato do hatch ser o líder de vendas no seu segmento há alguns é algo positivo. Mas é impossível não perguntar: Será que o carro está com toda essa moral mesmo? 

A resposta você só descobre lendo o conteúdo a seguir. Bora lá?

Os prós e contras do Chevrolet Onix

Descubra agora quais são os pontos negativos e positivos de ter um Onix na garagem 

Pró: Design estiloso

Impossível não começar exaltando o design do Onix. O modelo passou por uma reestilização no ano passado e conseguiu se descolar de maneira literal das primeiras versões que não agradava a todos. 

Design
Design do Onix é lindo

Hoje os novos exemplares do Onix chamam muito a atenção por onde passam e convenhamos que além de ter qualidade um carro também precisa ser bonito e estiloso não é mesmo?

Pró: Motorização eficiente e consumo de combustível

Já dizia o velho ditado: Nada como matar dois coelhos com uma cajadada só não é mesmo? Esse não é apenas um mas dois pontos altos e positivos na lista de prós e contras do Chevrolet Onix. 

O modelo possui à disposição de seus proprietários duas opções de motor um aspirado e um turbo. Ambos demonstram bom rendimento e com câmbios tanto automático quanto manual de seis marchas apresentam bons índices de consumo de combustível. 

Ter um carro bonito e que bebe pouco é o desejo de muita gente e isso é garantido pelo Onix. 

Pró: Tecnologia

Do ponto de vista de tecnologia não é absurdo algum afirmar que o Chevrolet Onix é disparado o melhor do seu segmento. 

Antes da reestilização o modelo ficava para trás de modelos como Polo e Argo, por exemplo. Hoje a lista de gadgets eletrônicos é extremamente extensa. 

Apenas para se ter um exemplo o modelo possui Wi-Fi próprio com capacidade para conexão de até 7 equipamentos eletrônicos e a conexão pode ser acessada até 15 metros de distância do veículo.

Conectividade
Conectividade e segurança é ponto positivo

Além disso há também carregador por indução, portas USB traseiras, sistema Onstar, sensores de escuridão, sistema Easy Entry e ainda um app capaz de dar a partida e analisar sua forma de conduzir oferecendo opções de melhorias e economia. 

Pró: Segurança

Embora muita gente possa não se lembrar o Chevrolet Onix já ostentou a marca de ser um dos veículos menos seguros do Brasil e em termos de segurança ficava na lanterna dos hatches comercializados por aqui. 

Mas as coisas mudaram. Com a renovação da linha no ano passado a segurança foi elevada a níveis antes vistos entre os hatches brasileiros. 

O Chevrolet Onix conta hoje com 6 airbags sendo dois frontais, dois laterais e dois de cortina. 

Além disso o modelo conta com sistema inteligente de freios e sistema e controle de estabilidade e tração o que literalmente deixa o carro colado no chão em termos de condução. 

Não é à toa que conquistou cinco estrelas no teste de segurança veicular Latin NCAP tanto para adultos quanto para crianças. 

Pró: Baixo custo de manutenção

Dando continuidade a nossa lista de prós e contras do Chevrolet Onix chegamos a um ponto pra lá de positivo o baixo custo da manutenção. 

Independentemente da motorização escolhida pelo proprietário as revisões até os 60 mil quilômetros saem por um valor de aproximadamente R$ 3.100.

Esse valor é muito semelhante ao cobrado em todas as versões do irmão maior Chevrolet Tracker tanto como motor 1.0 ou 1.2. No entanto é preciso lembrar que o “SUV” é montado na mesma plataforma e literalmente custa o que não vale. 

E por falar que não vale o que custa o Chevrolet Onix sigamos para o nosso próximo item. 

Pró: Custo x benefício

E aqui entramos no nosso item final de pontos positivos sobre se ter um Chevrolet Onix na garagem o custo benefício.

Embora o modelo não seja tão barato ao se comprar um exemplar o proprietário sabe que conta com um ótimo veículo.

Repleto de tecnologia, seguro, econômico e com revisões e manutenções acessíveis contar com um Onix seja para trabalhar ou então para passear com a família é uma ótima opção quando os gastos e valores são colocados no papel e isso sempre deve ser levado em consideração.

No entanto como já dissemos várias vezes por aqui não existe veículo com 100% de aproveitamento e o Chevrolet Onix é mais um caso. Vamos agora aos contras do modelo. 

Contra: Conforto e acabamento interno

Embora o modelo tenha aumentado quase 10 centímetros no comprimento total e mais 3 centímetros de distância entre-eixos o conforto no banco traseiro não é dos melhores. Um adulto com 1,80 vai passar apertado literalmente se precisar viajar na parte de trás do veículo. 

Apesar disso é possível conectar smartphones por meio de entradas USB mas não há saídas de ar condicionado. Algo solicitado por quem usa o modelo para trabalhar como é o caso de taxistas ou motoristas de aplicativos. 

Conforto
Onix é apertado e com acabamentos ruins

Quando falamos de acabamento o Onix deixa um pouco a desejar. Pelo preço que é cobrado não é necessário que se tenha a disposição itens luxuosos mas os plásticos poderiam ter uma qualidade melhor assim como sua disposição. 

Mesmo nas versões Premier onde existe uma notável tentativa de dar requinte ao modelo os acabamentos deixam a desejar. 

Contra: Isolamento acústico

Outro ponto que necessita de melhorias é o isolamento acústico. Tanto em deslocamentos urbanos quanto rodoviários os ocupantes precisam conversar em um tom muito mais alto do que o comum o que é bem estressante. 

A culpa pelo isolamento acústico ruim é fruto da suspensão e da baixa qualidade do plástico usado no acabamento. Nesse quesito o Onix fica atrás de rivais como Fiat Argo e Hyundai HB20.

Contra: Porta-malas pequeno

E para finalizar os contras da nossa lista temos o porta-malas pequeno. Mesmo com o aumento de comprimento a Chevrolet não conseguiu resolver o problema do tamanho do porta-malas. 

Porta-malas
Porta-malas continua pequeno

O compartimento traseiro é muito pequeno e apertado e totalmente incompatível com famílias grandes. 

Conclusão

Depois de analisar nossa lista de prós e contras do Chevrolet Onix te lançamos a seguinte pergunta: O veículo é uma boa escolha para se ter na garagem?

Para responder a esse questionamento é preciso levar em consideração quais são as suas necessidades. Mas é preciso ter em mente que o modelo tem mais itens positivos do que negativos. 

Se depois de ler nossa análise você ainda deseja comprar um modelo para chamar de seu então nossa dica é que você clique no botão abaixo para ter acesso às diferentes formas de comprar um modelo. 

Redator especialista em carros, se identifica com conteúdos relacionados a lançamentos e análises de veículos e acredita que compartilhar conhecimento na área ajuda todos a tomarem melhores decisões em busca do veículo ideal para cada tipo de perfil.

Listas

Hatches fracassos de vendas no Brasil em 2020: Conheça o top 10

por

Murilo C.

Publicado em

| Atualizado em

Hatches fracassos de vendas

Com início da pandemia de coronavírus, alguns setores comerciais foram afetados, e o automotivo foi um deles, o que talvez contribua para o resultado do nosso levantamento que mostra quais foram os hatches fracassos de vendas no Brasil até agora. 

Embora modelos hatches sejam a preferência da maioria dos brasileiros, como ocorre em diferentes setores, existem os modelos preferidos e aqueles que são renegados. 

Mostraremos agora aqueles que são considerados os 10 hatches fracassos de vendas no Brasil em 2020 até agora. Será que você consegue adivinhar quais são eles? 

Confira na leitura desse artigo mais do que imperdível que os especialistas do Senhor Carros prepararam exclusivamente para você!

10 hatches fracassos de vendas no Brasil em 2020

Mostraremos agora a lista com aqueles que são considerados os 10 hatches fracassos de vendas no Brasil em 2020. 

10. Volkswagen Fox

O Volkswagen Fox é o primeiro dos 10 hatches fracassos de vendas no Brasil em 2020. 

O modelo que inclusive está na lista de dispensas da Volkswagen para deixar de ser produzido ainda agrada bastante os público brasileiro. 

Volkswagen Fox
Volkswagen Fox

O Hatch “alemão” possui apenas motorização 1.6 e está disponível atualmente em duas versões: Connect e Extreme. 

Se compararmos com números antigos, as vendas do modelo não deixam de ser um fracasso. Apenas 10.097 unidades foram comercializadas até agora em 2020.

9. Fiat uno

Aqui temos outro hatch que embora seja muito apreciado pelos brasileiros, tanto por conta de sua compactabilidade quanto por sua economia. 

Fiat uno
Fiat uno

O modelo que já foi o chefe de vendas da Fiat, hoje não é a mais a estrela principal, mas não deixa de ser uma boa opção para famílias pequenas ou então para os solteiros. 

Até agora em 2020, apenas 7.274 unidades do Fiat uno foram emplacadas. 

8. Toyota Etios

O Toyota Etios é mais um entre os hatches fracassos de vendas em 2020. O modelo que conta com duas opções de motor e câmbios automático e manual é um bom veículo, tanto para usos urbanos, quanto para deslocamentos em rodovias. 

A potência do motor agrada e ainda existe a baixa visibilidade de roubos, o que faz com que seu seguro seja mais barato do que muitos outros modelos. 

Toyota Etios
Toyota Etios

Entretanto o Etios realmente não caiu nas graças dos brasileiros e seus números de vendas deixam isso ainda mais explícito, afinal, foram apenas 5.562 unidades vendidas. 

7. Nissan March

O Nissan March é hoje considerado o modelo de entrada da montadora nipônica no mercado automotivo brasileiro. 

O Hatch é mais um dos compactos repletos de qualidade. Equipado com um motor 1.0 de 3 cilindros, o March conta com bastante tecnologia embarcada, o que o torna, na opinião dos especialistas um modelo que praticamente não apresenta problemas.

Nissan March
Nissan March

O modelo ainda possui opções de câmbio automático e manual, capaz de render bem em estradas e cidades com bastante economia. Mas seus números, demonstram o fracasso: Apenas 2.208 unidades comercializadas. 

6. Peugeot 208

Os carros da Peugeot geram dois sentimentos nos motoristas: Ou você ama ou você odeia. A tecnologia francesa é pouca aberta, o que torna reparos mecânicos muito caros quando necessários. 

O Peugeot 208 conta atualmente com duas opções de motor, um 1.2 Puretech Flex de três cilindros capaz de gerar 90 cavalos com etanol, com boa força e torque em baixa rotação.

Peugeot 208
Peugeot 208

O outro é um 1.6 flex de quatro cilindros, atualizado, capaz de gerar 118 cavalos com etanol. O motor 1.2 é equipado com câmbio manual, enquanto no 1.6 só há opção de câmbio automático.

O atual fracasso de vendas do Peugeot 208 já era esperado, pois uma nova versão, totalmente renovada é esperada ainda esse ano por aqui. Ao todo, o modelo vendeu apenas 1140 unidades em 2020. 

5. Citroen C3

Na quinta posição, temos mais um carro de origem francesa que causa receio em muita gente por conta do surgimento de possíveis problemas que não são nada baratos de resolver. 

Na parte de motorização, o modelo dispõe duas opções de motor, uma 1.2 flex de três cilindros, capaz de render 90 cavalos com etanol e outra 1.6 também flex, mas com quatro cilindros, capaz de render até 118 cavalos. 

O Citroen C3 conta ainda com 3 versões distintas: Attraction 1.2 com câmbio manual; Attraction 1.6 com câmbio automático e Urban Trail 1.6 com câmbio automático.

Citroen C3
Citroen C3

Não é de hoje que as vendas do hatch francês não são boas. Na Europa, o veículo passou por uma profunda alteração visual, tornando-o bastante atrativo, mas de acordo com a montadora, a mudança não vai chegar ao Brasil. 

Os números de venda do modelo são vergonhosos. Até agora, apenas 583 unidades foram vendidas em 2020.

4. Mini Cooper

O Mini Cooper é um dos carros mais emblemáticos à venda no Brasil e realmente chama atenção por onde passa. 

O modelo é conhecido por uma ótima relação de peso X potência, pois é leve e potente ao mesmo tempo. 

Compacto e valente ele é uma ótima opção para uso urbano esporádico, pois sua potência, distância entre-eixos e controles de estabilidade e tração tornam seu uso em rodovias muito mais divertido. 

Mini Cooper
Mini Cooper

O Mini Cooper possui atualmente duas opções de motor. um 1.5 turbo de três cilindros e um 2.0 turbo de quatro cilindros. Ambos são movidos somente à gasolina e geram 136 e 192 cavalos respectivamente.

Entretanto, por conta de seu elevado preço, o Mini Cooper é um carro para poucos, o que diante do cenário de crise, o torna mais um fracasso de vendas. Até agora, apenas 335 unidades foram vendidas. 

3. Kia Rio

O Kia Rio é um desconhecido de muita gente. 

O modelo que é produzido no México e importado pra cá, foi lançado em janeiro, mas realmente não caiu nas graças dos brasileiros. 

Equipado com muitos itens de série, o Kia Rio tem sob o capô um motor 1.6 16V de quatro cilindros, flex capaz de gerar até 130 cavalos quando abastecido com etanol. O câmbio é automático de seis marchas. 

Kia Rio

Entretanto, a pouca confiança do brasileiro na marca e o alto preço do modelo, fizeram as vendas empacarem. Ao todo, somente 172 unidades do Kia Rio foram comercializadas. 

2. Audi A3

O Audi A3 já foi um modelo um tanto quanto popular anos atrás e disputava de maneira ferrenha a mesma classe de motoristas que gostava do Golf.

Com o passar dos anos, o hatch da marca alemã foi evoluindo em termos de mecânica e tecnologia embarcada, o que fez com que seus valores ficassem muito mais elevados do que o modelo da Volkswagen. 

Audi A3
Audi A3

O modelo é equipado com um motor 1.4 TFSI Flex de 150 cavalos, tanto com etanol, quanto gasolina. O câmbio é um tiptronic automático de seis velocidades. 

Embora salte aos olhos em termos de beleza, seja potente e recheado de tecnologia, o preço realmente é um impeditivo. Tanto que o A3 é mais um entre os hatches fracassos de vendas, com apenas 119 unidades vendidas. 

1. Fiat Palio

E na primeira posição dos hatches fracassos de vendas no Brasil em 2020 temos o Fiat Palio. 

Embora o modelo tenha sido descontinuado, ainda é possível encontrar algumas unidades à venda em concessionárias espalhadas pelo Brasil, e foi exatamente isso que aconteceu. 

Fiat Palio
Fiat Palio

Com uma histórico de bons números de vendas, o modelo que pode ser uma boa opção para o momento de crise pelo qual estamos passando registrou em 2020 o número de apenas uma unidade vendida, e por isso levou medalha de ouro em nossa lista. 

Conclusão

A exemplo do mercado de SUVs, o mercado dos hatches é um tanto quanto competitivo. Enquanto uns modelos se destacam, outros são totalmente jogados ao esquecimento. 

Depois de conferir a nossa lista daqueles que são os hatches fracassos de vendas no Brasil em 2020 que tal descobrir quais são os modelos chineses que os brasileiros mais gostam?

Para conferir, é só clicar no botão abaixo:

Continuar Lendo

Em Alta