Listas

Lamborghini Essenza SCV12: o esportivo proibido para as ruas

Conheça os detalhes do Lamborghini Essenza SCV12 que não pode rodar nas ruas

Por

Murilo C. 

| Publicado em

Você já pensou em comprar um carro e não poder usá-lo nas ruas? Pois é. Embora pareça uma ideia louca os compradores da Lamborghini Essenza SCV12 só poderão pilotar o modelo em pistas de corrida

Embora a montadora tenha afirmado que não vai mais participar de Salões de Automóveis isso não quer dizer que a fabricante de supercarros diminuiu sei ritmo de produção e desenvolvimento. 

Lamborghini Essenza SCV12

Uma das gratas surpresas é o novo Essenza SCV12. No artigo de hoje nós vamos trazer todos os detalhes desse modelo que é considerado pela própria marca como dono do motor V12 mais poderoso de toda a história. 

ANÚNCIOS

Lamborghini Essenza SCV12: Um verdadeiro carro de corrida

O Lamborghini Essenza SCV12 é literalmente um carro de corrida.

O modelo se beneficia da experiência dos gran-turismos da montadora e ainda possui uma força aerodinâmica e downforce superior a um carro de GT3. 

A sigla SC presente no nome do veículo significa Squadra Corse ou Equipe de Corrida em italiano.

Esse é também o nome de departamento do automobilismo da Lamborghini criado em 2014 apenas para eventos esportivos. 

Lamborghini Essenza SCV12
Lamborghini Essenza SCV12 em ação nas pistas

O Capô longo tem um papel de grande importância nessa equação. Com entrada de dupla e uma “costela” central que direciona o fluxo de ar para passagem localizada no teto o esportivo literalmente fica grudado no chão. 

Além disso o Splitter dianteiro que trabalha em conjunto com as aletas verticais nas saias laterais dão ao Essenza SCV12 uma aparência incrivelmente ameaçadora. 

ANÚNCIOS

Plataforma em fibra de carbono

O superesportivo possui uma plataforma inteira em fibra de carbono o que é ideal para a redução de peso. 

Os Splitters, saias laterais, asa traseira e difusor traseiro também seguem a linha do chassi e são todos construídos no mesmo material do chassi. 

Outro item curioso que vale menção é que como muitos podem imaginar o chassi do modelo é herdado de competições automobilísticas. 

ANÚNCIOS

Motor V12 mais potente da história da montadora

Como o próprio nome do modelo sugere sob o capô está instalado um motor V12. 

A unidade de potência do bólido é aspirado e foi desenvolvida na sede da fábrica. De acordo com a própria Lamborghini “o motor se aproxima dos 840 cavalos de potência.

Algo interessante se ser dito sobre o motor V12 é que ele é um 6.3 litros aspirado naturalmente.

Isso significa que o modelo não possui turbos ou superchargers que são dispositivos mecânicos que forçam o ar para dentro do motor visando aumento de potência.

Essenza
Motor do Essenza SCV12 possui turbo natural

O motor do esportivo possui uma tomada de ar que em alta velocidade produz o mesmo efeito de um supercharger.

Uma pá voltada para frente alimenta o ar de modo direto para o motor. Assim quanto mais rápido o carro andar mais ar será empurrado para o motor com uma pressão cada vez maior o que permite mais potência. 

Embora o peso total do conjunto não tenha sido anunciado espera-se que o Essenza SCV12 tenha uma das melhores relações peso/potência entre todos os esportivos do mundo. 

ANÚNCIOS

Câmbio faz parte da estrutura da plataforma

Como citamos o chassi do Lamborghini Essenza SCV12 é herdado diretamente das competições de automobilismo. 

A caixa de câmbio é utilizada como membro estrutural da plataforma. Isso é feito para dar suporte ao sistema de suspensão traseiro. O que deixa o carro mais leve e melhora a distribuição de peso como um todo. 

O Câmbio possui seis velocidades e a transmissão é controlada diretamente no volante. 

O Essenza SCV12 possui tração traseira diferente da maioria dos Lamborghinis que possui tração integral. 

Com menor presença de concentração de metal na parte traseira do veículo seu centro de gravidade se torna mais centralizado e isso otimiza seu desempenho para contornar curvas em altas velocidades. 

ANÚNCIOS

Rodas exclusivas

Outro setor que recebeu cuidados e atenção específica são as rodas. 

Visando a maior redução de peso possível a Lamborghini desenvolveu rodas em magnésio com diferentes polegadas para a dianteira e traseira. 

Rodas
Rodas e freios foram exclusivamente desenhados

Enquanto as rodas de frente são aro 19 as rodas traseiras são ligeiramente maiores e possuem 20 polegadas.

E como não poderia deixar de ser os pneus também são italianos. A marca escolhida para calçar o superesportivo foi a Pirelli. 

ANÚNCIOS

Freios poderosos

Todo carro potente precisa de freios igualmente poderosos e sistema de freio do Essenza SCV12 como todo o restante do modelo também é especial. 

O esportivo conta com um enormes freios de disco feitos em fibras de carbono com pinças de seis pistões.

“Uma freada brusca do modelo é semelhante a levar um soco no peito” afirmam os pilotos que ajudaram no desenvolvimento do bólido.

ANÚNCIOS

Modelo é raro e exclusivo

Como já era de se esperar, o modelo é raro. Apenas 40 exemplares serão produzidos. 

De acordo com o engenheiro chefe da Lamborghini, Maurizio Reggiani, muitos clientes já assinaram contratos para a maioria das unidades. Mas alguns ainda permanecem disponíveis para compra. 

ANÚNCIOS

Proprietários terão aulas particulares

A Lamborghini fornecerá aos proprietários um piloto profissional de corrida para dar um treinamento de como obter o máximo de velocidade e diversão do supercarro. 

Eventos especiais serão realizados para permitir que os donos dessa verdadeira obra de artes sobre rodas possam se reunir e desfrutar de seus carros como um grupo. 

ANÚNCIOS

Compra, mas não leva para casa

Como citamos no título o modelo é proibido de rodar em vias públicas e a explicação para isso é bem simples. 

O Lamborghini Essenza SCV12 foi projetado para cumprir e seguir os regulamentos de corridas instituídos pela FIA – Federação Internacional de Automobilismo.

Interior
Interior do Essenza SCV12 é de um cockpit de corrida

Assim o modelo não segue regras e legislações de segurança rodoviária de nenhum país. 

É por esse motivo que ao comprar um exemplar o cliente recebe a recomendação da Lamborghini que o deixe guardado em uma garagem especial na sede da empresa italiana. 

Os proprietários que optarem por comprar o modelo terão acesso a um canal seguro de webcam para que possam olhar o carro sempre que quiserem. 

Além disso a Lamborghini se incumbe de providenciar o transporte do modelo para praticamente todas as pistas de corrida do mundo que são habitat natural desse superesportivo. 

ANÚNCIOS

Valores

A Lamborghini ainda não estabeleceu valores para o Essenza SCV12. Entretanto Reggiani afirma que seu preço deve ser semelhante a outros modelos de edição limitada da marca.

Assim o Lamborghini Essenza SCV12 deve ter preços semelhantes ao modelos “Centenário” e “Sian” que tinham valores na faixa dos US$ 2 milhões. 

ANÚNCIOS

Conclusão

Como é fácil ter em mente o superesportivo é um brinquedo para poucos. O mais difícil nessa história é comprar um modelo e não poder guardá-lo em sua garagem. 

Brincadeiras à parte agora queremos saber a sua opinião. O que achou do Essenza SCV12? Gostou? Teria coragem de comprar um ou prefere algum outro modelo esportivo? 

Responda pra gente através dos comentários. Sua participação é muito importante para nós.

Depois de conhecer o Lamborghini Essenza SCV12 que tal conhecer alguns modelos da marca concorrente? Temos uma lista com as ferraris mais bonitas da história. Para conhecê-las é só clicar no botão abaixo.

ANÚNCIOS

Listas

Caminhonetes que fariam sucesso no Brasil: Conheça 10 modelos!

Conheça modelos de caminhonete vendidas apenas no exterior, mas que certamente fariam sucesso em terras brasileiras.

Por

Murilo C. 

| Publicado em

Caminhonetes são adoradas no Brasil

Embora os SUVs abocanhem grande partes das vendas de automóveis por aqui, o brasileiro é um povo que também gosta de picapes. Mesmo com bastante opções existem modelos internacionais de caminhonetes que fariam sucesso no Brasil e tornariam a briga ainda mais acirrada. 

Caminhonetes que fariam sucesso no Brasil

Com lançamentos esperados para o ano que em até mesmo com uma caminhonete 100 elétrica podemos afirmar que o brasileiro está bem servido no segmento.

Mas como diz o velho jargão: Sempre há espaço para melhorias. 

Assim mais uma vez a equipe de especialistas do Senhor Carros entra em campo e traz diretamente pra você 10 exemplares no mínimo interessantes de diferentes continentes que teriam espaço por aqui. Bora conferir cada um deles?

10 Caminhonetes que fariam sucesso no Brasil

Conheça agora 10 exemplares de caminhonetes que fariam sucesso no Brasil e agitariam ainda mais o já badalado segmento de picape.

10. Chevrolet Colorado

Embora seja derivada do mesmo projeto que deu origem à nossa atual S10 a Chevrolet Colorado norte-americana tem alguns pontos exclusivos um tanto quanto curiosos. 

Além de nome próprio o modelo possui dianteira e traseira inspirada na boa e velha silverado. Além disso a caixa de rodas quadrada confere à picape um visual mais robusto e imponente. 

Chevrolet Colorado

O interior também é legal e possui um desenho único e diferenciado para o painel, volante, console e alavanca de câmbios. 

Com duas opções de carroceria há também três variações de motor: um 2.5 a gasolina, um 2.8 turbodiesel e um 3.6 V6 a diesel. A exemplo da motorização há também uma gama bem diversificada de versões do jeito que brasileiro gosta. 

9. Fiat Fullback

Aqui temos mais um exemplar bem legal de caminhonetes não apenas fariam mas como já é um sucesso no Brasil. 

A Fiat Fullback é o chamamos de badge engineering – que traduzido para o português significa engenharia exemplar.

Se você é uma pessoa atenta já deve ter notado: O modelo é a Mitsubishi L200 da nova geração mas como o logotipo da Fiat. 

Fiat Fullback
Fiat Fullback

Conhecida do público desde 2015 quando estreou no salão de Dubai a picape chegou rapidamente a mercados europeu, asiático do Oriente Médio e países vizinhos a nós na América do Sul

A Fullback é equipada com motor 2.4 turbodiesel e possui opção de câmbio automático ou manual. Ambos de 5 marchas. 

8. Foton Tunland

Depois de mostrar um verdadeiro ctrl c + ctrl v vamos seguir com a nossa lista de caminhonetes que fariam sucesso no Brasil. 

A Foton Tunland foi lançada mundialmente em 2011 e ainda está a venda em alguns mercados espalhados pelo globo. Nossos vizinhos Argentina, Colômbia e Chile são exemplos de países que contam com a caminhonete como opções para população.

A Foton Tunland é simples e extremamente funcional o que agrada e muito seus proprietários. 

Foton Tunland
Foton Tunland

Ela tem sob o capô um motor 2.8 turbodiesel com 63 cavalos de potência controlado por uma transmissão manual de 5 marchas.

Seu diferencial produzido pela Dana e os freios ABS com EBD da Bosch são muito elogiados. 

7. GMC Canyon

A GMC Canyon é na verdade uma irmã da Chevrolet Colorado e é vendida em países como Canadá e EUA sob a bandeira da GMC que é a divisão de veículos utilitários e comercial do grupo da General Motors. 

O modelo compartilha com a Colorado o conjunto de motores e transmissão mas se posiciona de maneira mais premium principalmente se levarmos em consideração a versão top de linha que leva o sobrenome de Denali com rodas de 20 polegadas e acabamento mais refinado. 

GMC Canyon
GMC Canyon

A Caminhonete possui desenho dianteiro exclusivo, caixa de rodas com vincos bem definidos e lanternas traseiras que parecem ter sido feitos a mão. 

O Modelo já ganhou o prêmio Best of the Best na categoria nos EUA desbancando a própria Chevrolet Colorado. Mesmo com toda a concorrência certamente faria sucesso no Brasil.

6. Honda Ridgeline

A Honda Ridgeline é construída fazendo uso do mesmo conceito aplicado na Fiat Toro que temos por aqui: A picape possui carroceria monobloco e deriva do SUV estadunidense Piloto. 

A caminhonete é produzida apenas no Alabama – EUA mas é vendida para muitos países inclusive alguns vizinhos como Colômbia, Chile, Uruguai e Paraguai. 

Honda Ridgeline
Honda Ridgeline

A Ridgeline possui sob o capô um motor 3.5 V6 e um câmbio automático de 6 marchas. Seu principal trunfo é a boa dirigibilidade considerada muito próxima de carros de passeio.

Outro ponto que agrada bastante é o grande leque de porta- objetos algo muito bom para quem tem filhos pequenos e adolescente. 

Com o visual jovial e todos itens citados é mais uma entre as caminhonetes que fariam sucesso no Brasil. 

5. Isuzu D-Max

Produzida pela montadora japonesa Isuzu – marca que foi comercializada algumas décadas atrás no Brasil a D-Max é mais um exemplo de caminhonete que seria um sucesso por aqui. 

O modelo é quase que uma prima da Chevrolet S10. A GM se uniu à fabricante nipônica para tocar seu projeto de maneira conjunta dividindo os custos e lucros e reduzindo assim o seu desenvolvimento. 

Isuzu D-Max
Isuzu D-Max

Do ponto de vista mecânico ambas são idênticas mas cada marca aplicou suas próprias filosofias no visual. Atualmente aqui na América do Sul, a D-Max é vendida no Paraguai e Suriname. 

Do outro lado do atlântico o modelo faz sucesso especialmente no Reino Unido e tem boa aceitação no mercado africano e asiático. 

4. Mazda BT-50

A Mazda BT-50 é mais uma caminhonete que teve o projeto desenvolvido por meio da junção de duas montadoras.

Nesse caso as partes envolvidas eram a Mazda e a Ford que teve como fruto da parceria a atual geração da Ford Ranger. 

A caminhonete chama atenção pelo seu visual totalmente alinhado à filosofia japonesa. O modelo possui lanternas em formato de folha e são divididas pelo capô. 

Mazda BT-50
Mazda BT-50

O modelo possui duas opções de motor. um 2.2 e um 2.3 ambos turbodiesel idênticos aos utilizados em sua irmã estadunidense. 

A Mazda BT-50 é vendida para nossos vizinhos próximos: Colômbia, Chile e Paraguai e também em países asiáticos e na oceania. 

3. SsangYong Actyon Sports

Continuado com as caminhonetes que fariam sucesso no Brasil temos a SsangYong Actyon Sports.

O modelo não é tão desconhecido dos brasileiros já que chegou a ser vendida por aqui alguns anos atrás com os SUVs da marca.

No entanto sua comercialização foi interrompida quando a marca resolveu deixar o país por falta de retorno financeiro. 

SsangYong Actyon Sports
SsangYong Actyon Sports

A picape possui motor turbodiesel 2.2 de 178 cavalos sendo possível optar por câmbio automático ou manual de 6 marchas. Um ponto que chama atenção nela é a sua capacidade para rebocar até 2,3 toneladas. 

O modelo está presente em mercados de praticamente todo o mundo, como Europa, Austrália, Nova Zelândia e claro, a própria Coreia do Sul que é o país de origem da marca. 

2. Tata Xenon

Poucos se lembram mas a caminhonete indiana Tata Xenon também já rodou por aqui. 

Em uma aproximação com a Fiat no passado fez com que ela fosses testada por alguns meses pelos engenheiros em Betim (MG).

Antes do desenvolvimento da Toro a marca italiana se associou à Indiana para tentar desenvolver uma picape sobre um projeto já pronto. 

Tata Xenon
Tata Xenon

E como sabemos o projeto não vingou e cada marca optou por seguir o seu caminho e isso foi bom pois se a fusão tivesse dado certo muito provavelmente a Toro não existiria. 

Hoje a Xenon é vendida na Ásia, Oceania e alguns países da América Latina mas com o nome Evolve. 

1. Toyota Tacoma

E para fechar a nossa lista das caminhonetes que fariam sucesso no Brasil temos a Toyota Tacoma. 

Líder da categoria no Brasil e uma das mais picapes mais vendidas no mundo a Hilux não é a única representante da Toyota no segmento de caminhonetes pelo mundo. 

Na América do Norte a montadora japonesa atende o desejo dos estadunidenses com a Tacoma que é produzida no México e tem como rival direto modelos como Chevrolet Colorado, Honda Ridgeline e GMC Canyon.

Toyota Tacoma
Toyota Tacoma

A Tacoma está disponível com cabine estendida ou duplas e tem duas opções de motores: um 2.7 de 4 cilindros e um 3.5 V6 o câmbio pode ser manual ou automático de 6 marchas. 

As versões podem variar entre opções voltadas para o trabalho e lazer além de uma opção totalmente voltada para estradas de terra: A Toyota Tacoma TRD. 

Conclusão

Embora o mercado brasileiro atualmente seja dominado pelos SUVs que inclusive continuam a liderar as vendas mesmo na pandemia as caminhonetes possuem ampla participação no segmento automotivo. 

Por sermos um país de dimensão continental e reconhecido por suas estradas e ruas de baixa qualidade são muitos os brasileiros que apostam nas caminhonetes para superar esses percalços de maneira funcional e estilosa. 

Depois de conhecer 10 opções de caminhonetes que fariam sucesso por aqui conta pra gente: Qual foi o modelo que você mais gostou? Deixe um comentário falando qual é o seu preferido. 

E já que estamos falando de caminhonete que tal conhecer a primeira caminhonete 100% elétrica do Brasil? Estamos falando da JAC iEV 330P.

Para saber tudo sobre ela é só clicar no botão abaixo!

Continuar Lendo

Em Alta