Avaliação de veículos

Prós e contras da Toyota Hilux: como é ter uma para chamar de sua

Conheça todos os prós e contras da Toyota Hilux e saiba na real como é ter um exemplar na sua garagem para enfrentar todos os desafios do dia a dia.

por

Murilo C.

Publicado em

ANÚNCIOS

Prós e contras da Toyota Hilux

A segunda reestilização da Hilux já pode ser comprada em uma concessionária Toyota mais perto de você. Como você já viu anteriormente, a picape traz importantes novidades na parte mecânica, itens de série, equipamentos e segurança. Pensando em te trazer o máximo possível de informações, vamos te mostrar agora todos os prós e contras da Toyota Hilux e como é ter um exemplar pra chamar de seu. 

prós e contras da Toyota Hilux

Se você está pensando em comprar a picape, mas antes gostaria de conhecer um pouco mais sobre o seu comportamento, fique sabendo que veio ao lugar certo. 

Bora conferir?

ANÚNCIOS

Os prós e contras da Toyota Hilux

Saiba agora quais são as vantagens da Hilux e porque ter um exemplar é uma ótima opção para quem busca uma picape de qualidade. 

Pró: Design único e exclusivo

Aqui começamos pelo óbvio que merece grande destaque: O design da Hilux é uma atração à parte.

Enquanto as concorrentes lembram caminhonetes de tiozão, a Hilux possui um visual despojado e único que passou por uma série de reestilizações e agrada até mesmo os mais ríspidos e exigentes com design. 

Com modificações na dianteira e na traseira, a caminhonete ganhou não apenas em beleza e funcionalidade e para um veículo que pode ser utilizado tanto para trabalho, quanto para lazer, isso é muito importante. 

ANÚNCIOS

Pró: Capacidade de carga

A Hilux é mais confortável que um SUV e ainda possui uma ampla capacidade de carga. Hoje temos no mercado algumas opções de picapes que são mais estéticas do que funcionais. 

A Fiat Toro é um exemplo disso. Embora seja bonito sua capacidade de carga é limitada e perde de todas as concorrentes nesse quesito, inclusive, é claro da Hilux. 

Na caçamba da Hilux é possível acomodar nada menos do que 1000 litros ou então levar uma carga de 1 tonelada. É isso mesmo, 1 tonelada. 

Além do mais, a picape conta com assistente de reboque. E aí, a bicha é bruta ou não é? 

Pró: Conforto ao extremo

Dando continuidade a nossa lista de prós e contras da Toyota Hilux temos o conforto como um item que deve ser levado em consideração na hora de se optar pela picape. 

As grandes dimensões da picape garante uma cabine um tanto quanto ampla. Cinco adultos viajam de maneira confortável sem que seus ombros fiquem esbarrando. 

Conforto
Hilux é extremamente confortável

Além disso, alguns componentes tornam a viagem mais confortável, tais como a central multimídia que garante conexão com celulares Android ou IOS, televisão, e ar-condicionado com saída traseira. 

Quem viaja em uma Hilux normalmente afirma que o pior de tudo é chegar no destino e ter que sair da cabine da picape.

ANÚNCIOS

Pró: Acabamento refinado

Aqui temos outra grande vantagem de se investir em uma Hilux. A picape conta com o padrão de qualidade Toyota de acabamento. 

Se com um simples olhar já é possível notar que o acabamento é de qualidade, assim que se toca nas portas, console, botões, bancos, maçanetas e todo o restante, a certeza logo vem à tona. 

O acabamento da Hilux é um dos pontos mais fortes que a picape tem a oferecer para seus proprietários e isso merece destaque. 

Pró: Dirigibilidade

A Hilux conta com melhorias no chassi com 20% mais rigidez. Além disso, a carroceria também se tornou mais rígida, ganhando 44% de rigidez, assim como na geometria da suspensão, principalmente na traseira. 

A motorização apresenta um funcionamento mais suave e linear que as versões anteriores e mostra mais disposição em baixas rotações.

A caixa de transmissão é nova e conta com seis marchas. As relações são bem distribuídas e adequadas à proposta da picape. 

Dirigir
Dirigibilidade da Hilux é impressionante

No uso normal funciona perfeitamente sem nenhum tipo de trancos ou grandes oscilações nas trocas. 

A possibilidade de ajustes do banco, a posição do painel e dos botões no console central garante uma excelente experiência em termos de dirigibilidade. 

Por fim é preciso mencionar que a dirigibilidade típica de picapes melhorou MUITO em relação ao modelo anterior. 

A direção é leve o suficiente e apresenta boas respostas em caso de mudanças rápidas de direção. Por fim, tudo se completa com os freios que dão conta do recado tranquilamente. 

Pró: Estabilidade

A estabilidade é mais um ponto positivo dentro de nossa lista de prós e contras da Toyota Hilux. 

Na verdade, a estabilidade é boa e isso não é mérito apenas dos dispositivos de segurança. O conjunto de suspensão conta com um bom ajuste e a traseira quase não pula quando vazia. 

Ainda na parte de trás, a geometria do eixo passou por uma alteração, assim como seu curso, prezando por conforto e estabilidade. 

Fora das ruas e estradas de asfalto a Hilux 2021 faz valer os seus bons ângulos de entrada e de saída que ajudam na transposição de valas e quaisquer obstáculos que possam aparecer. 

O controle de tração que controla as saídas de traseira com leve acionamento dos freios é outro destaque positivo. 

E para deixar a caminhonete ainda mais no chão, entram em ação os controles de tração e estabilidade, assistente de partida em rampa, controle de descida, frenagem de emergência e controle de reboque. 

Pró: Segurança

Todas as versões da Hilux cabine dupla saem de fábrica com 7 airbags coisa que só é possível encontrar na Ford Ranger e só. 

Uma das grandes novidades para 2021 é a oferta do pacote Toyota Safety Sense que torna a picape muito mais segura e tranquila de conduzir nos mais variados tipos de situação. 

Além disso, é preciso lembrar que a Hilux é a única picape com nota máxima nos testes de segurança da Latin NCAP conquistando cinco estrelas para adultos e crianças. 

Pró: Consumo

O consumo é outro ponto que merece destaque na Hilux. Embora com o motor Flex a picape apresenta médias nada mais do que normais e dentro da realidade para um veículo que pesa pouco mais de duas toneladas. 

No entanto, para quem optar pela versão que dispõe de motor à diesel vai se surpreender positivamente. 

Com opção de câmbio automático ou manual, ambos com seis velocidades a picape apresenta boas médias de consumo, inclusive, um tanto quanto semelhante a sedans e superando SUVs com um pouco de folga. 

Pró: manutenção barata

Dando continuidade a nossa lista de prós e contras da Toyota Hilux temos os valores de manutenção como um trunfo não apenas da picape, mas da montadora em si.

Já há algum tempo que a Toyota vem oferecendo manutenções baratas àqueles que compram seus exemplares. 

Como muita gente sabe, para que a garantia de um veículo seja mantida é preciso que as manutenções sejam realizadas nas concessionárias, o que faz com que mais dinheiro seja gasto.

Manutenção
Valores de manutenção agradam

As manutenções da Hilux devem ser feitas a cada 10 mil km até que a picape atinja os 60 mil km rodados. 

Com motor Flex o valor de todas as revisões ficam na faixa dos R$ 6 mil. Já para o motor a diesel o valor médio de todas as revisões é de R$ 8 mil. 

Contra: Preço

E o único item negativo nessa nossa lista de prós e contras da Toyota Hilux são os preços praticados. 

Como já mostrado, os preços da picape são um pouco salgados para a maioria dos brasileiros. 

Os valores se iniciam na faixa dos R$ 159 mil e podem alcançar as cifras de até R$ 250 mil. O que é fora da realidade de muita gente no atual momento econômico. 

No entanto, precisamos lembrar que quando falamos de valores estamos falando de algo muito relativo. O que para muitos é caro, para outros pode ser barato, não é mesmo?

Conclusão

E depois de conferir a nossa lista de prós e contras da Toyota Hilux você certamente chegou a conclusão de que a picape é quase perfeita, ou seja, em termos de funcionalidade o modelo não apresenta sequer um item negativo.

Como nós do Senhor Carros nos habituamos a dizer, não existe veículo que seja 100% capaz de agradar as pessoas, entretanto, a Hilux é um modelo que se aproxima disso.

Se você está em busca de uma picape para trabalho, lazer ou ambos, não precisamos nem falar né? A Hilux é a escolha ideal para quem busca uma caminhonete independente de qual seja a finalidade. 

Se depois de ler nosso artigo você chegou a conclusão de que realmente quer uma Hilux para chamar de sua você só precisa fazer uma coisa: Clicar no botão abaixo para aprender a fazer um bom negócio! 

Toyota Hilux

Toyota Hilux

Picape Potente

A melhor picape do Brasil é a Toyota Hilux. Compre a sua agora mesmo!

Você permanecerá no site atual
Você permanecerá no site atual

A melhor picape do Brasil é a Toyota Hilux. Compre a sua agora mesmo!

Redator especialista em carros, se identifica com conteúdos relacionados a lançamentos e análises de veículos e acredita que compartilhar conhecimento na área ajuda todos a tomarem melhores decisões em busca do veículo ideal para cada tipo de perfil.

Listas

Hatches fracassos de vendas no Brasil em 2020: Conheça o top 10

por

Murilo C.

Publicado em

| Atualizado em

Hatches fracassos de vendas

Com início da pandemia de coronavírus, alguns setores comerciais foram afetados, e o automotivo foi um deles, o que talvez contribua para o resultado do nosso levantamento que mostra quais foram os hatches fracassos de vendas no Brasil até agora. 

Embora modelos hatches sejam a preferência da maioria dos brasileiros, como ocorre em diferentes setores, existem os modelos preferidos e aqueles que são renegados. 

Mostraremos agora aqueles que são considerados os 10 hatches fracassos de vendas no Brasil em 2020 até agora. Será que você consegue adivinhar quais são eles? 

Confira na leitura desse artigo mais do que imperdível que os especialistas do Senhor Carros prepararam exclusivamente para você!

10 hatches fracassos de vendas no Brasil em 2020

Mostraremos agora a lista com aqueles que são considerados os 10 hatches fracassos de vendas no Brasil em 2020. 

10. Volkswagen Fox

O Volkswagen Fox é o primeiro dos 10 hatches fracassos de vendas no Brasil em 2020. 

O modelo que inclusive está na lista de dispensas da Volkswagen para deixar de ser produzido ainda agrada bastante os público brasileiro. 

Volkswagen Fox
Volkswagen Fox

O Hatch “alemão” possui apenas motorização 1.6 e está disponível atualmente em duas versões: Connect e Extreme. 

Se compararmos com números antigos, as vendas do modelo não deixam de ser um fracasso. Apenas 10.097 unidades foram comercializadas até agora em 2020.

9. Fiat uno

Aqui temos outro hatch que embora seja muito apreciado pelos brasileiros, tanto por conta de sua compactabilidade quanto por sua economia. 

Fiat uno
Fiat uno

O modelo que já foi o chefe de vendas da Fiat, hoje não é a mais a estrela principal, mas não deixa de ser uma boa opção para famílias pequenas ou então para os solteiros. 

Até agora em 2020, apenas 7.274 unidades do Fiat uno foram emplacadas. 

8. Toyota Etios

O Toyota Etios é mais um entre os hatches fracassos de vendas em 2020. O modelo que conta com duas opções de motor e câmbios automático e manual é um bom veículo, tanto para usos urbanos, quanto para deslocamentos em rodovias. 

A potência do motor agrada e ainda existe a baixa visibilidade de roubos, o que faz com que seu seguro seja mais barato do que muitos outros modelos. 

Toyota Etios
Toyota Etios

Entretanto o Etios realmente não caiu nas graças dos brasileiros e seus números de vendas deixam isso ainda mais explícito, afinal, foram apenas 5.562 unidades vendidas. 

7. Nissan March

O Nissan March é hoje considerado o modelo de entrada da montadora nipônica no mercado automotivo brasileiro. 

O Hatch é mais um dos compactos repletos de qualidade. Equipado com um motor 1.0 de 3 cilindros, o March conta com bastante tecnologia embarcada, o que o torna, na opinião dos especialistas um modelo que praticamente não apresenta problemas.

Nissan March
Nissan March

O modelo ainda possui opções de câmbio automático e manual, capaz de render bem em estradas e cidades com bastante economia. Mas seus números, demonstram o fracasso: Apenas 2.208 unidades comercializadas. 

6. Peugeot 208

Os carros da Peugeot geram dois sentimentos nos motoristas: Ou você ama ou você odeia. A tecnologia francesa é pouca aberta, o que torna reparos mecânicos muito caros quando necessários. 

O Peugeot 208 conta atualmente com duas opções de motor, um 1.2 Puretech Flex de três cilindros capaz de gerar 90 cavalos com etanol, com boa força e torque em baixa rotação.

Peugeot 208
Peugeot 208

O outro é um 1.6 flex de quatro cilindros, atualizado, capaz de gerar 118 cavalos com etanol. O motor 1.2 é equipado com câmbio manual, enquanto no 1.6 só há opção de câmbio automático.

O atual fracasso de vendas do Peugeot 208 já era esperado, pois uma nova versão, totalmente renovada é esperada ainda esse ano por aqui. Ao todo, o modelo vendeu apenas 1140 unidades em 2020. 

5. Citroen C3

Na quinta posição, temos mais um carro de origem francesa que causa receio em muita gente por conta do surgimento de possíveis problemas que não são nada baratos de resolver. 

Na parte de motorização, o modelo dispõe duas opções de motor, uma 1.2 flex de três cilindros, capaz de render 90 cavalos com etanol e outra 1.6 também flex, mas com quatro cilindros, capaz de render até 118 cavalos. 

O Citroen C3 conta ainda com 3 versões distintas: Attraction 1.2 com câmbio manual; Attraction 1.6 com câmbio automático e Urban Trail 1.6 com câmbio automático.

Citroen C3
Citroen C3

Não é de hoje que as vendas do hatch francês não são boas. Na Europa, o veículo passou por uma profunda alteração visual, tornando-o bastante atrativo, mas de acordo com a montadora, a mudança não vai chegar ao Brasil. 

Os números de venda do modelo são vergonhosos. Até agora, apenas 583 unidades foram vendidas em 2020.

4. Mini Cooper

O Mini Cooper é um dos carros mais emblemáticos à venda no Brasil e realmente chama atenção por onde passa. 

O modelo é conhecido por uma ótima relação de peso X potência, pois é leve e potente ao mesmo tempo. 

Compacto e valente ele é uma ótima opção para uso urbano esporádico, pois sua potência, distância entre-eixos e controles de estabilidade e tração tornam seu uso em rodovias muito mais divertido. 

Mini Cooper
Mini Cooper

O Mini Cooper possui atualmente duas opções de motor. um 1.5 turbo de três cilindros e um 2.0 turbo de quatro cilindros. Ambos são movidos somente à gasolina e geram 136 e 192 cavalos respectivamente.

Entretanto, por conta de seu elevado preço, o Mini Cooper é um carro para poucos, o que diante do cenário de crise, o torna mais um fracasso de vendas. Até agora, apenas 335 unidades foram vendidas. 

3. Kia Rio

O Kia Rio é um desconhecido de muita gente. 

O modelo que é produzido no México e importado pra cá, foi lançado em janeiro, mas realmente não caiu nas graças dos brasileiros. 

Equipado com muitos itens de série, o Kia Rio tem sob o capô um motor 1.6 16V de quatro cilindros, flex capaz de gerar até 130 cavalos quando abastecido com etanol. O câmbio é automático de seis marchas. 

Kia Rio

Entretanto, a pouca confiança do brasileiro na marca e o alto preço do modelo, fizeram as vendas empacarem. Ao todo, somente 172 unidades do Kia Rio foram comercializadas. 

2. Audi A3

O Audi A3 já foi um modelo um tanto quanto popular anos atrás e disputava de maneira ferrenha a mesma classe de motoristas que gostava do Golf.

Com o passar dos anos, o hatch da marca alemã foi evoluindo em termos de mecânica e tecnologia embarcada, o que fez com que seus valores ficassem muito mais elevados do que o modelo da Volkswagen. 

Audi A3
Audi A3

O modelo é equipado com um motor 1.4 TFSI Flex de 150 cavalos, tanto com etanol, quanto gasolina. O câmbio é um tiptronic automático de seis velocidades. 

Embora salte aos olhos em termos de beleza, seja potente e recheado de tecnologia, o preço realmente é um impeditivo. Tanto que o A3 é mais um entre os hatches fracassos de vendas, com apenas 119 unidades vendidas. 

1. Fiat Palio

E na primeira posição dos hatches fracassos de vendas no Brasil em 2020 temos o Fiat Palio. 

Embora o modelo tenha sido descontinuado, ainda é possível encontrar algumas unidades à venda em concessionárias espalhadas pelo Brasil, e foi exatamente isso que aconteceu. 

Fiat Palio
Fiat Palio

Com uma histórico de bons números de vendas, o modelo que pode ser uma boa opção para o momento de crise pelo qual estamos passando registrou em 2020 o número de apenas uma unidade vendida, e por isso levou medalha de ouro em nossa lista. 

Conclusão

A exemplo do mercado de SUVs, o mercado dos hatches é um tanto quanto competitivo. Enquanto uns modelos se destacam, outros são totalmente jogados ao esquecimento. 

Depois de conferir a nossa lista daqueles que são os hatches fracassos de vendas no Brasil em 2020 que tal descobrir quais são os modelos chineses que os brasileiros mais gostam?

Para conferir, é só clicar no botão abaixo:

Continuar Lendo

Em Alta