Avaliação de veículos

Volkswagen Amarok 2021: conheça a picape mais potente do Brasil

Saiba quais são as armas da Amarok 2021 para encarar a concorrência e retomar um lugar de destaque nas vendas.

por

Murilo C.

Publicado em

ANÚNCIOS

As armas da Volkswagen Amarok 2021

Como muita gente sabe, 2020 não foi um ano muito bom para o setor automotivo, no entanto, 2021 já se mostra melhor e o otimismo começa a surgir entre montadoras e concessionárias. Além do SUVs e dos hatchs, outro segmento muito apreciado pelos brasileiros é o das picapes, onde está inserida a poderosa Volkswagen Amarok 2021, sobre a qual falaremos hoje.

Conteúdo Recomendado
Comprar Volkswagen Amarok

Ver como comprar Volkswagen Amarok

Conheça as diferentes maneiras de comprar Volkswagen Amarok por meio de um ótimo negócio ainda hoje e tenha a picape dos seus sonhos

  • Categoria: Picape;
  • Preço médio novo: R$ 170 mil; 
  • Preço médio usado: R$  250 mil;
  • Versão recomendada:Volkswagen Amarok Extreme CD 3.0 V6 TDI AT 4×4;
  • Consumo médio cidade:  8 km/L;
  • Consumo médio estrada: 9 km/L.

Depois de um 2020 ruim, em comparação com as vendas da concorrência, a Volkswagen decidiu que era hora de fazer algumas alterações no projeto da Amarok para o ano de 2021. 

Ano passado a picape da montadora vendeu 10.621 unidades, ficando atrás de suas principais concorrentes no segmento. 

Nos dois primeiros meses de 2021 a Amarok teve 214 exemplares emplacados, mas a tendência é que esses números aumentem durante o ano. 

A meta da Volkswagen é a de que a picape entre no top 3 do segmento. Com a saída da Ford do Brasil essa meta é bastante realista e as chances de ser alcançada são reais, ainda mais com as mudanças para o ano que se inicia. 

Vamos te mostrar agora, tudo e mais um pouco sobre a Volkswagen Amarok 2021. Bora conferir?

Volkswagen Amarok 2021: detalhes

Em um primeiro momento podemos afirmar que a Amarok 2021 continua com um estilo simplório e conservador, especialmente pelo fato do modelo ser vendido sem acessórios, exceto  na versão topo de linha: A Extreme.

Dessa maneira, sem os estribos laterais, o famoso santantônio, barras de teto ou capota marítima, a picape pareça mais um veículo robusto e simples, mesmo na versão Highline.

A recente atualização incorporou Leds diurnos, faróis bi-xênon, para-choques traseiros cromados, rodas de liga com 18, 19 e até mesmo 20 polegadas e retrovisores cromados ou em preto brilhante. 

Detalhes chamam atenção na Picape

Acabamentos no interior são simples, mas funcionais com algumas novidades pontuais como difusores de ar, além de maior resistência em termos de equipamentos. 

O quadro de instrumentos conta com um display colorido que cumpre seu papel com maestria e funcionalidade. Os mais atentos irão notar que o volante é semelhante ao utilizado no Golf, o que não é ruim, mas poderia ter sido mudado. 

Novidades da Amarok 2021

A linha 2021 da Volkswagen Amarok era muito esperada por conta das mudanças anteriormente anunciadas no motor que ganhou pouco mais de 30 cavalos e o que já era bom, ficou ainda melhor. 

Junto com essas mudanças, porém, a montadora decidiu tirar as versões 2.0 TDI de linha, deixando-as apenas como opção de vendas diretas para as versões Comfortline e Highline. Isso faz com que os preços iniciais da picape sejam um pouco altos. 

Do ponto de vista visual, a única alteração da picape para 2021 foi a chegada do pacote Black Style, que é composto por rodas de 20 polegadas escurecidas, estribos laterais e pára-choque traseiro pintados de preto, além de detalhes visuais internos e externos no mesmo tom. 

A caminhonete conta ainda com uma caçamba com material abrasivo e resistente, seguindo uma mudança que deve virar uma tendência no segmento, puxada principalmente pela Nissan Frontier. 

Dimensões, capacidades e paleta de cores

No que diz respeito a dimensões, a Volkswagen Amarok 2021 conta com um comprimento de 5,25 metros; 1,94 metros de largura; 1,82 metros de largura e 3,09 metros de distância entre-eixos. 

Em termos de litragem a caçamba consegue comportar até 1280 litros, já em capacidade de peso, a Amarok 2021 consegue levar até 1156 kg em sua caçamba, é muita força! 

Além disso, a picape conta a caçamba com maior espaço livre entre caixas de rodas: 1.222mm e menor distância entre assoalho e solo 780mm.

Quando seca, a picape possui peso total de 2036 kg. 

Com relação a paleta de cores, é possível escolher entre as seguintes tonalidades de pintura:

  • Azul Ravenna;
  • Branco Crista;
  • Cinza Iridium;
  • Prata Sirius;
  • Preto Mystic perolizado.

Depois dessa introdução em termos externos e visuais é hora de conhecer a picape de maneira mais profunda. Vamos lá?

Tecnologia e conectividade

Como não poderia deixar de ser, a versão 2021 da Amarok esbanja tecnologia e conectividade com sistemas mais do que funcionais. Vamos mostrar cada um deles agora. 

Tecnologia como a dos bancos elétricos chamam atenção

Volante multifuncional

Vamos começar por onde as mãos podem alcançar. Assim o volante é a peça óbvia. 

O Volante da Amarok 2021 é multifuncional e ainda conta com shift paddles para trocar as marchas com mais comodidade e de maneira esportiva. 

Por meio da direção é possível realizar e atender ligações, acessar informações do computador de bordo e ainda ter acesso à central multimídia. 

Sistema Infotainment

Com o sistema Infotainment você se mantém sempre conectado. Esse item permite o espelhamento do smartphone em tela touchscreen com sensor de aproximação. É o auge da sofisticação.

Display off-road

Como se sabe a Amarok é uma picape multi terreno. Ou seja, pode ser utilizada tanto no asfalto, além de ter uma ótima pegada off-road. 

Assim, o display off-road traz uma série de informações para quem optar por utilizá-la longe do asfalto. As informações desse display são: bússolas; ângulo de direção das rodas e altímetro. 

Central multimídia: Discover Media

A central multimídia Discover Media é outra grande vantagem da Amarok.

O equipamento conta com sistemas do Google Android Auto, Apple Cary Play e Mirrorlink que permite o uso de equipamentos da LG, Samsung e HTC. 

Além disso, a central possui ainda navegador GPS próprio e câmera de ré, que garantem mais comodidade, conforto e segurança. 

Saída USB

Como forma de oferecer poder conectivo, a Amarok conta também com Saída USB que permite conectar smartphones e tablets à central multimídia. 

Ar-condicionado digital dual zone

A Amarok 2021 conta com ar-condicionado dotado da tecnologia Climatronic Dual Zone, que permite programar até duas zonas de temperaturas diferentes, tornando o deslocamento ainda mais confortável e agradável. 

Bancos dianteiros com ajustes elétricos

Unindo a tecnologia e a conectividade em prol do conforto a nova Amarok conta com bancos dianteiros com ajuste elétricos de 12 vias que contam com o exclusivo certificado “ergoComfort”

Retrovisores externos elétricos

Para evitar qualquer tipo de preocupação, a Amarok 2021 conta com retrovisores externos elétricos com acionamento interno e rebatimento automático assim que a picape é desligada. 

Segurança digna de prêmio

Depois de conhecer os aspectos de tecnologia e conectividade embarcadas na picape, é hora de mostrar todo o aparato voltado à segurança. 

Airbags e sistema Isofix

Sempre que falamos de segurança, o primeiro item que muita gente pensa automaticamente são nos airbags. 

A Amarok conta com airbags frontais e laterais que garantem a segurança de quem vai na frente e atrás.

Além disso, a caminhonete é equipada com o famoso sistema Isofix para fixação de cadeirinhas infantis que garantem toda a segurança de quem precisa transportar crianças. 

Sistema de freio ABS off road

Os freios ABS com função off-road da Amarok contam com tecnologia para quem precisa enfrentar terrenos não pavimentados.

Conectividade trabalha em prol da tecnologia

No momento em que são acionados, por meio de ligeiros travamentos nas rodas, promovem um pequeno acúmulo de material à frente dessas, maximizando a frenagem e garantindo o máximo de segurança. Uma verdadeira atração à parte.

Sistema de frenagem pós-colisão

Esse sistema é um auxílio muito importante em situações críticas e é uma exclusividade no segmento de picapes que está presente em todas as versões da Amarok.

O sistema aciona os freios automaticamente após detectar o primeiro impacto, evitando colisões secundárias. 

Freio a disco nas quatro rodas

A Amarok é a única picape que conta com freio a disco nas quatro rodas. Afinal, além de ter muita potência à disposição, é preciso ter um meio de parar o conjunto todo em segurança sempre que for necessário. 

Controle de tração e estabilidade

O controle eletrônico de tração e estabilidade trabalham de maneira conjunta visando evitar que a caminhonete perca a estabilidade direcional em curvas ou mudanças repentinas de direção. 

Quando detecta uma situação de perda de controle, a central do sistema atua no motor e freios para trazer o veículo de volta à trajetória. 

Sistema de estabilização para reboque

Esse é mais um sistema que trabalha a favor da segurança.

Com o engate original de fábrica, o sistema de estabilização do reboque atua em complemento ao controle eletrônico de estabilidade (ESC). 

Quando o reboque ou trailer começar a oscilar ou pendular com maior intensidade, o sistema passa a atuar, reduzindo o torque do motor e freando as rodas da picape e do reboque, até a estabilização completa de todo o conjunto, permitindo uma condução segura da Amarok.

Luz de conversão estática

Aqui temos um gadget de segurança que amplia a iluminação em curvas de maneira automática. 

Por meio desse sistema, o  farol de neblina amplia a área iluminada quando o carro estiver em uma curva de baixa velocidade. Quando os faróis estiverem ligados e a seta for acionada ou girar o volante, o farol de neblina do lado correspondente se acende.

Indicador de pressão dos pneus

O indicador de pressão dos pneus atua medindo a pressão exata de cada pneu e avisa quando algum deles está com a pressão abaixo do recomendado. Tecnologia em prol da segurança. 

Assistente de partida em rampa e descida

Tão importante quanto se dar bem em subidas é ter a segurança na hora de descer. Aqui temos mais dois sistemas muito importantes na Amarok 2021.

A picape conta com assistente de partida em rampa que evita que a caminhonete se desloque para trás em partidas em aclives e também um sistema que garante o controle em casos de descidas íngremes. 

Sensores por todas os lados

E por último, mas não menos importante é legal ressaltar que a Volkswagen Amarok 2021 conta com uma série de sensores que auxiliam na segurança geral do condutor e de todos os ocupantes. 

A picape conta com sensores de estacionamento que ajudam na hora de realizar manobras, sensores de luminosidade que acende os faróis automaticamente em caso de ausência de luz natural e sensores de chuva que ligam os limpadores ao notar os primeiros pingos de chuva.

Motorização

Depois de conhecer toda a tecnologia, conectividade e segurança é hora de conhecer o coração da Amarok 2021: o seu motor! 

Hoje a Volkswagen Amarok 2021 possui na verdade duas opções de motor. 

A primeira opção, que agora está disponível apenas na venda direta, é equipada com motor 2.0 TDI movido a diesel, capaz de entregar 180 cavalos com um torque de 42,8 kgfm e transmissão automática de oito marchas. 

Amarok tem o motor mais poderoso da categoria

Já as versões que hoje estão disponíveis para vendas abertas, ou seja, para o público em geral contam com o super propulsor 3.0 V6 TDI movido a diesel que é capaz de entregar 258 cavalos de potência junto a um torque de 59,1 kgfm.

A esse motor, está associado um câmbio automatizado de oito velocidades com tração integral 4Motion com diferencial Torsen.

Transmissão automática de 8 velocidades

A Volkswagen Amarok conta com um câmbio de 8 velocidades que é uma exclusividade na categoria, permitindo trocas mais inteligentes, suaves e funcionais. 

A picape conta com três opções de condução e ainda a opção de tração 4x4 permanente.

A opção de tração 4x4 permanente é fruto da tração 4Motion e visa proporcionar maior aderência ao solo e melhor arraste relativo entre os eixos, o que potencializa a aderência em curvas. 

Com isso, a Amarok tem sempre a melhor tração em qualquer tipo de terreno.  

Desempenho e consumo

O desempenho da Amarok 2021 é um tanto quanto agradável. A picape atinge os 100 km/h em 7,4 segundos com velocidade final de 190 km/h, um desempenho próximo de modelos esportivos.

Rodando a 110 km/h o novo propulsor aliado ao câmbio de 8 velocidades alcança 1800 rpm o que gera bastante conforto, economia além de boa performance à picape. 

Além disso, a Amarok entrega ótima disposição nas retomadas mais agressivas e até mesmo nas saídas mais fortes. 

Em termos gerais, o conjunto garante uma direção leve, precisa e estável. 

Falando em consumo, os números da grandalhona também agradam: rodando na cidade, a Amarok possui uma média de 8 km/l já. Já no meio rodoviário, o consumo é de 9 km/L. 

São bons números para um veículo que pesa pouco mais de 2 toneladas, não é mesmo?

Caçamba

Uma das maiores preocupações de quem compra uma picape diz respeito à caçamba e nisso a Amarok também é destaque. 

Ela conta com protetor de caçamba de série que garante o transporte de cargas sem nenhum tipo de preocupação com a carroceria. 

Caçamba é a maior da categoria

A Volkswagen Amarok 2021 consegue comportar até 1280 litros pensando em volume e até 1156 kg em termos de peso. Além disso, é a caçamba com maior espaço livre entre as rodas: 1,22 metros e menor distância entre o solo e assoalho, com 0,78 metros, o que garante espaço e estabilidade. 

E por fim, a caçamba conta ainda com exclusivo sistema de alívio de peso, que permite a abertura com menor esforço e maior segurança.

Volkswagen Amarok 2021: valores e versões

Como em muitas outras opções e da mesma forma que é feita em outras montadoras a Amarok 2021 é vendida em diferentes versões e valores que podem ser conferidos abaixo:

  • Volkswagen Amarok Highline CD 3.0 V6 TDI AT 4×4: R$ 243.290
  • Volkswagen Amarok Extreme CD 3.0 V6 TDI AT 4×4: R$ 256.390

Depois de tudo o que acabamos de te mostrar, você certamente deve estar pensando em ter uma Amarok para chamar de sua.

No entanto, se você for uma pessoa precavida, certamente gostaria de saber como a picape se comporta no dia a dia e é isso que vamos mostrar agora. 

A missão dos especialistas do Senhor Carros é te trazer o máximo de informação franca e confiável sobre todos os veículos aqui analisados. 

Assim, para conhecer o comportamento da Volkswagen Amarok 2021 você apenas precisa continuar a sua leitura. 

Vantagens e desvantagens da Amarok 2021

Vamos mostrar agora todas as vantagens e desvantagens dessa que é uma das melhores picapes a venda no Brasil! Bora conferir?

Vantagem: Design

O primeiro ponto a ser considerado em todo e qualquer veículo é o seu design. Como já dissemos aqui algumas vezes (e sempre iremos dizer): automóvel feio não vende. 

A primeira coisa que alguém leva em consideração na hora de decidir ou não comprar qualquer tipo de veículo é a sua beleza. Caso seja bonito, o interesse se aguça e só depois as pessoas vão procurar saber se o exemplar é bom ou ruim.

Em termos de design, podemos afirmar sem sombra de dúvidas que a Amarok 2021 cumpre com louvor o que propõe. Ponto para a picape da montadora alemã.

Vantagem: Potência e desempenho

Aqui temos uma vantagem que literalmente não tem pra ninguém!

Em termos de potência e desempenho a Volkswagen Amarok ganha de lavada de TODAS as suas rivais. 

Se antes a picape já era a mais poderosa do segmento com “apenas” 225 cavalos, sua superioridade ficou ainda maior com o novo motor 3.0 V6 com 258 com a opção de overboost que eleva a potência para 272 cavalos por 10 segundos. 

No entanto, algo é importante de ser dito sobre esse incremento: Ele é temporário e só pode ser utilizado se a picape estiver rodando entre 50 km/h e 120 km/h. 

Câmbio garante bom desempenho e consumo da picape

Com um alcance de velocidade surpreendente e ótima média final, ela deixa as rivais literalmente comendo poeira. Os mais apaixonados afirmam que seu desempenho é semelhante ao de veículos esportivos. 

Apenas para efeito de curiosidade, a Toyota Hilux chega perto com os 234 cavalos, mas anda menos, pois possui velocidade máxima de 180 km/h e leva quase 11 segundos para atingir os 100 km/h.

Outras rivais, a Chevrolet S10 e a Ford Ranger contam apenas com 200 cavalos cada. Em termos de potência e desempenho não tem pra ninguém.

Vantagem: Bom consumo

Outra grande vantagem da Amarok 2021 são os seus bons níveis de consumo. 

Mesmo pesando pouco mais de duas toneladas a picape apresenta um consumo mais do que positivo, com uma média urbana na faixa de 8 km/L e no uso rodoviário, dependendo do pé do condutor conseguindo alcançar cerca de 10 km/L. 

Vantagem: Ampla capacidade carga

Outra grande vantagem da Amarok 2021 é o seu grande potencial de carga. 

A caçamba da picape da VW consegue acomodar até 1280 litros e possui uma capacidade de carga de até 1156 kg ela é a verdadeira campeã de carga no Brasil.

A segunda maior caçamba do Brasil é a da Ranger, que é capaz de acomodar até 1.180 litros, mas só consegue carregar 1000 kg. 

Já a L200 e a S10 conseguem levar 1046 litros e 1000 kg e 1061 litros e 10490 kg respectivamente. É mais uma vez a Amarok dando um banho nas rivais. 

Vantagem: Espaço e conforto

Aqui temos um ponto muito importante, afinal, estamos falando de um veículo grande que precisa obrigatoriamente ter espaço interno e externo, além é claro de conforto. 

O espaço interno é bem garantido tanto para quem vai à frente, assim como para os ocupantes da parte de trás, onde três adultos conseguem viajar sem precisar ficar esbarrando os ombros. 

Espaço e conforto estão presentes na Volkswagen Amarok 2021

Na questão de conforto, quem vai atrás não precisa ficar com as pernas tão dobradas, como acontece em outras picapes, como é o caso da S10, por exemplo. 

Na questão de movimentação, a suspensão trabalha de maneira positiva, aliviando todo o tipo de trancos e solavancos dentro da cabine, seja em vias de asfalto ou de terra.

E por fim, devido à potência e o ao torque, a Volkswagen Amarok 2021 trabalha com rotações maisbaixas, o que garante maior conforto acústico no interior da cabine.

Vantagem: Ergonomia

Outra grande vantagem da picape é a sua ergonomia. 

O primeiro ponto que colabora para a boa ergonomia da picape são os ajustes elétricos no banco. 

Além disso, o volante multifuncional com shift paddles e o console central garantem uma pilotagem fácil e precisa de quem precisa domar a picape mais poderosa do Brasil sem tirar os olhos da estrada. 

E para finalizar o conjunto da ergonomia, recheada de itens e sistemas de segurança, a Amarok é literalmente uma picape no chão, ou seja, o condutor tem todo o controle da caminhonete a todo o momento, seja no asfalto ou na terra. 

Dirigir uma Amarok 2021 é sem sombra de dúvidas uma experiência única. 

Vantagem: Qualidade de acabamento

Outro ponto que merece bastante destaque é o acabamento da picape. Tanto por fora, quanto por dentro é possível notar que a VW caprichou nos materiais escolhidos. 

Amarok tem qualidade no acabamento

Para 2021 não houve um grande salto em termos de acabamento e mesmo que para alguns exista um excesso de plástico, com um simples toque é simples notar que os encaixes são bem feitos e o material utilizado é de qualidade superior. 

Desvantagem: Preço

E como nem tudo são flores, temos no preço o principal ponto negativo da Amarok 2021. 

A Volkswagen reduziu a gama da Amarok para apenas duas versões e o valor inicial da picape está na faixa dos R$ 243 mil. 

Isso automaticamente faz o modelo da montadora alemã ser mais caro do que as suas principais rivais no segmento. 

A concorrente que mais se aproxima da Amarok é a Mitsubihsi L200 Triton Sport HPE-S que custa em média R$ 232.990. Ainda assim é uma diferença superior a R$ 10 mil que muitos automaticamente levam em consideração. 

Com esse preço, a Volkswagen Amarok 2021 poderia oferecer alguns itens como piloto automático adaptativo (presente na Ranger), alerta de colisão frontal e sistema de frenagem autônoma que estão presentes em alguns modelos da montadora. 

Outros itens que fazem falta e que são considerados básicos no segmento são: partida do motor por botão e sensor de proximidade para travar e destravar as portas. Mas paciência, nem tudo pode ser perfeito, não é mesmo?

Conclusão

Como já dissemos aqui algumas vezes, não existe um veículo que seja 100% perfeito ou tenha total aprovação do público, mas como você acabou de conferir, a Volkswagen Amarok 2021.

Se você estava em busca de uma picape para ter na garagem, é muito provável que sua procura tenha chegado ao fim.

Caso a partir de agora seu desejo seja comprar uma Amarok para chamar de sua, não se preocupe, pois vamos te ajudar também nessa jornada. Para isso é só clicar no botão abaixo:

Conteúdo Recomendado
Comprar Volkswagen Amarok

Ver como comprar Volkswagen Amarok

Conheça as diferentes maneiras de comprar Volkswagen Amarok por meio de um ótimo negócio ainda hoje e tenha a picape dos seus sonhos

Redator especialista em carros, se identifica com conteúdos relacionados a lançamentos e análises de veículos e acredita que compartilhar conhecimento na área ajuda todos a tomarem melhores decisões em busca do veículo ideal para cada tipo de perfil.

Listas

Não feche negócio: 10 Carros 0km que você deve evitar

Não feche negócio antes de ler esse artigo com os 10 carros 0km que você deve evitar de comprar!

por

Murilo C.

Publicado em

| Atualizado em

Você já parou para pensar que existem carros 0km que você deve evitar? Parece louco, mas é a pura verdade. Existe uma série de modelos que não devem ser comprados por uma série de motivos.

Pensando em te manter informado nós do Senhor carros separamos 10 modelos de carros 0km que você não deve comprar. As razões são as mais distintas e vão desde incerteza de continuidade até o preço em si. 

Carros 0km que você deve evitar

Se você está prestes a comprar um carro aqui vai um aviso: Não feche negócio antes de ler o artigo de hoje. Ele pode salvar o seu bolso! 

10 carros 0km que você deve evitar

Conheça agora quais são os 10 carros 0km que você deve evitar. 

10. Mitsubishi ASX

O Mitsubishi ASX é um carro legal que muita gente gosta, mas é preciso dizer que ele parou no tempo. 

O modelo é produzido há dez anos sobre a mesma plataforma e mesmo com reestilizações, ainda tem um design ultrapassado perante aos seus rivais e até mesmo quando comparados a outros modelos da marca. 

Mitsubishi ASX
Mitsubishi ASX

O acabamento é um tanto quanto simples para o seu valor. Além do mais, proprietários afirmam que o motor 2.0 Flex deixa a desejar e o pós-venda tem fama de complicado.Por fim, o preço também um tanto quanto salgado.

Existem outras opções no mercado que são mais espaçosas e mais acessíveis em termos financeiros como é o caso do Jeep Compass e o Volkswagen Tiguan Allspace. 

9. Chery New QQ

O New QQ já não pode mais nem se valer de ser o carro mais barato do país, já que o Moby é agora o detentor desse título. 

O New QQ tem uma estrutura frágil, motor fraco e sua manutenção tem fama de ser complicada. Além disso a montadora já confirmou que 2020 é o fim da linha para o modelo. 

Chery New QQ
Chery New QQ

Tão ruim quanto comprar um New QQ 0km é ter que vendê-lo no futuro. Por isso, se você tem amor ao seu dinheiro não compre os modelos remanescentes nas concessionárias por mais que isso possa parecer um bom negócio. 

8. Volkswagen Fox

Você deve estar pensando: Essa galera do Senhor Carros está louca. O Fox é um carrão! Sim… Não há dúvidas quanto a isso e vamos mostrar porque o modelo está nessa lista. 

O Volkswagen Fox ficou um pouco deslocado na linha da marca depois da chegada do Up e do Polo. O Fox hoje é vendido em três versões que vão de  R$ 51 mi a R$ 56 mil. 

Volkswagen Fox
Volkswagen Fox

Só que o Polo que é muito mais moderno e mais prazeroso de pilotar, tem preço inicial na faixa dos R$ 53 mil.  

Mesmo a versão 1.6 MSI do Polo que sai por R$ 61 mil acaba tendo melhor custo benefício por conta da tecnologia e segurança e novidades estruturais. Além disso, há rumores fortes que o Fox saia de linha já em 2021.

Ter nas mãos um carro obsoleto e fora de linha é prejuízo na certa. Por isso, o ideal é evitá-lo. 

7. Nissan March

Aqui temos um motivo direto para você evitar o Nissan March 0km: 2020 é o último ano do modelo. A Nissan já confirmou que ele sai de linha. 

O modelo já vinha meio esquecido pela Nissan há algum tempo. Além do mais seu preço era um tanto quanto salgado com valores entre R$ 51 mil e R$ 56 mil. 

Nissan March
Nissan March

Seria um negócio muito melhor comprar o sedã que usa a mesma plataforma e tem ainda um porta-malas maior e amplo espaço interno. Isso sem contar que é uma versão com menos desvalorização. 

6. Renault Duster

A reestilização do Renault Duster foi uma verdadeira vergonha e não apenas por isso que ele é mais um dos carros 0km que você deve evitar.

A montadora que estava prometendo mudanças drásticas à SUV fez apenas uma maquiagem no exterior e pouco mexeu no interior e na mecânica, tirando ainda uma das versões mais vendidas que era a 4x4. 

Renault Duster
Renault Duster

A nova versão conta apenas com um tipo de motor o antigo e defasado 1.6. Para o futuro se espera o 1.3 t turboflex que entrega um ótimo custo x benefício em termos de desempenho e consumo. 

5. Citroen

A exemplo do que ocorre com o Nissan March, o Citroen C3 parece ter sido abandonado pela montadora francesa. 

O modelo que é repleto de itens de série e preços relativamente acessíveis era um chamariz para diferentes perfis de consumidores. Mas seu futuro no Brasil ainda é incerto. 

Citroen
Citroen

Seguindo o padrão atual do mercado automotivo de crossover, o C4 Cactus deve ganhar as ruas ano que vem e com isso modelos mais antigos tendem a cair no esquecimento ou até mesmo saírem de linha.

Embora a Citroen não confirme há fortes rumores de que o C3 está próximo de ser descontinuado. 

4. Fiat Grand Siena

O Fiat Grand Siena é mais um entre os carros 0km que você deve evitar. 

O modelo possui valor de entrada na faixa dos R$ 50 mil equipado com motor 1.0 e custa cerca de R$ 56 mil com motorização 1.6. No entanto existe outro sedã da mesma marca e com custo X benefício muito mais atrativo.

Fiat Grand Siena
Fiat Grand Siena

 Estamos falando do Cronos. Que embora parta de valores na faixa de R$ 58 mil vem equipado com o moderno motor 1.3 FireFly muito mais econômico e com melhor dirigibilidade sem contar os diversos itens de série. 

O Siena é um modelo ultrapassado que dificilmente vai passar por um processo de renovação. Por isso deve ser evitado. 

3. Lifan X60

O Lifan X60 tem um custo x benefício melhor que muitos outros veículos que são concorrentes. Além disso parte de uma faixa de R$ 70 mil, muito mais em conta que seus concorrentes EcoSport e Tracker por exemplo.

Lifan X60
Lifan X60

O Lifan X60 também vem recheado de opcionais de série. Mas então por que ele é um carro a ser evitado?

Simples: Existem poucas concessionárias e o modelo tem fama manutenção cara e complicada. Além do mais o modelo tem uma liquidez ruim o que o desvaloriza muito mais do que seus rivais. Triste não é mesmo?

2. Fiat Doblò

o Fiat Doblò é mais um caso de carros que não devem ser comprados 0km. 

Na verdade, modelo é uma verdadeira incógnita. Trata-se de um projeto antigo e sem nenhum tipo de renovação com um motor antigo e pouco eficiente. Além do mais o modelo só possui opção de câmbio manual e acabamento extremamente simplório.

Fiat Doblò
Fiat Doblò

O Doblò é um carro que serve para trabalhar e também para famílias que tenham algum ente portador de necessidades especiais. O modelo é muito mal visto no mercado automotivo e tem grande desvalorização.

Além do mais anualmente o Doblò é colocado na lista dos carros que podem deixar de ser produzidos. Por isso não recomendamos. 

1. Chevrolet Tracker

O Tracker vem sendo amplamente elogiado e isso é correto, afinal o modelo é muito bom e tem muita qualidade. Entretanto não se trata de um modelo que deve ser comprado 0km. 

A justificativa são: preço, plataforma e comparação com um veículo da mesma marca.A versão de entrada do Tracker parte de R$ 85 mil. Já a versão top de linha do Onix Plus custa R$ 80 mil.

Chevrolet Tracker
Chevrolet Tracker

O Tracker e o Onix Plus usam a mesma plataforma e o mesmo motor. Enquanto o Tracker vem pelado, por R$ 5 mil a menos o Onix Plus vem completão.

Assim, se você está pensando em comprar um Tracker 0km reveja com calma e dê valor ao seu suado dinheiro. 

Conclusão

E na sua opinião? Além dos modelos que mostramos aqui tem mais algum modelo que não deve ser comprado 0km? Se sim, deixe um comentário pra gente contando qual é o modelo.

Depois de conhecer os modelos de carros 0km que você deve evitar, que tal conhecer modelos baratos que são exemplos de segurança? Para isso, é só clicar no botão abaixo!

Continuar Lendo

Em Alta