Connect with us

Viral

Os 50 carros com maior desvalorização nos últimos 5 anos!

Por

Senhor Carros 

| Publicado em

Para quem gosta de carros, nada como sentir aquele cheirinho de novo. Mas você sabia que ao sair da concessionária você já perdeu parte do valor que acabou de desembolsar? Isso mesmo! É a lei da oferta e da demanda. Infelizmente muitos compradores se deixam levar pela beleza de alguns automóveis e se esquecem que nem todos os carros são de gosto popular. Por isso acabam enfrentando dificuldade em passar a caranga para frente.

Mas nada tema! O Panda separou para você um ranking com os 50 carros com maior desvalorização nos últimos 5 anos segundo a tabela FIPE.

Ficou curioso? Então vire a página e confira o ranking!

50 – Porsche 911 Turbo S Coupè

O Porsche 911 (chamado por vezes também de Porsche 911 Carrera) é um carro desportivo produzido pela alemã Porsche AG de Stuttgart, Alemanha desde 1964. Desde o seu lançamento, o 911 tem sido modificado, tanto por equipes particulares quanto pela fábrica em si, seja para rallye, corrida ou para qualquer outro tipo de competição automotiva. É muitas vezes lembrado como um dos carros de competição de maior sucesso, especialmente quando se trata de alguma de suas variações, como o poderoso 935.

O Porsche 911 Turbo S Coupè tem valor aproximado de R$1.386.000,00, com uma depreciação de 41.25%, ficando em 50º no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

49 - Volkswagen AMAROK SE CD

O Amarok é um veículo da categoria pick-up de tamanho médio de cabine dupla e 4 portas, já anunciado pela marca, uma futura cabine simples (2 portas), produzida pela Volkswagen. O nome do modelo foi inspirado no ser sobrenatural da mitologia inuit: um lobo gigante chamado Amarok.

O Volkswagen Amarok SE CD tem valor aproximado de R$143.782,00, com uma depreciação de 41.48%, ficando em 49º no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

48 - Land Rover Range Rover Vogue

O Range Rover é um sofisticado utilitário desportivo de alto-luxo fabricado na Inglaterra pela tradicional Land Rover, que foi adquirida em 2008 pela Tata Motors. Este requintado utilitário desportivo impressiona pelas suas dimensões externas, pelo conforto e pela alta tecnologia embarcada, que chega ao ponto extremo de oferecer ao seu condutor a opção de escolher uma programação de ajuste da suspensão para rodar com mais suavidade (absorvendo o máximo possível as irregularidades das vias) ou para rodar mais firme, mais baixa para viajar por autoestradas pavimentadas bem conservadas ou mais alta para dirigir cuidadosamente em estradas rurais.

O Land Rover Range Rover Vogue tem valor aproximado de R$617.162, com uma depreciação de 41.51%, ficando em 48º no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

47 - Wake Way

Embora dois ou três modelos diferentes de buggies tivessem sido comercializados nos anos iniciais, antes do final da década o carro teve o estilo consolidado, permanecendo praticamente inalterado até o século seguinte – continuidade rara no setor. Desde os primeiros exemplares, portanto, os buggies Way já apresentavam algumas características que por muitos anos acompanhariam a produção da marca: os faróis retangulares, o formato das saias laterais e dos para-lamas dianteiros (sempre trazendo lanternas retangulares), o ressalto acentuado bem no centro da traseira, onde foi posicionada a tampa de visita do motor, a tampa do porta-malas em relevo, sobreposta à carroceria, e o quadro do para-brisa moldado em plástico. Os primeiros modelos diferiam principalmente nas linhas da dianteira, que tinha a superfície frontal inclinada, dando maior destaque aos faróis. Posteriormente a inclinação foi reduzida e a frente recebeu um longo baixo-relevo em “V”, avançando até o para-brisa, detalhe eliminado na terceira geração do modelo.

O Wake Way tem valor aproximado de R$75.500,00, com uma depreciação de 41.60%, ficando em 47º no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

46 - Mercedes Benz CLA-45

O CLA foi lançado pela primeira vez na Europa em Abril de 2013 e foi posteriormente introduzido nos Estados Unidos em Setembro de 2013. Seus maiores mercados são a Europa Ocidental e os Estados Unidos. As vendas acumuladas globais da CLA atingiram 100.000 durante o primeiro ano, citadas como "nosso melhor lançamento em 20 anos" pela Mercedes-Benz. Em todo o mundo, a Mercedes-Benz vendeu cerca de 750.000 unidades da primeira geração.

O Mercedes Benz CLA-45 tem valor aproximado de R$355.143,00, com uma depreciação de 41.67%, ficando em 46º no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

45 - Kia Sportage EX

O Sportage é um utilitário esportivo compacto da Kia lançado em 1993. A primeira geração do Sportage foi desenvolvida com base na plataforma do Mazda Bongo. Ele compartilha muitos componentes mecânicos, tais como o motor, transmissões, e os diferenciais. Isso foi durante a aliança da Ford-Mazda-Kia e partilhava a tecnologia do produto no início e meados da década de 1990.

O Kia Sportage EX tem valor aproximado de R$143.730,00, com uma depreciação de 41.78%, ficando em 45º no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

44 - Ford EcoSport TITANIUM

O EcoSport é um crossover subcompacto fabricado pela Ford. Lançado em 2003, o Ford EcoSport foi baseado na segunda geração nacional do Fiesta, surgida um ano antes. Foram vendidas 27.237 unidades em seus primeiros 12 meses.
De acordo com levantamento realizado no dia 10 de abril de 2011 no site Best Cars, proprietários apontam como principais pontos positivos o design, espaço interno e dirigibilidade.

O Ford EcoSport TITANIUM tem valor aproximado de R$92.417,00, com uma depreciação de 41.81%, ficando em 44º no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

43 - Lexus ES-350

O ES é um sedan médio-grande, fabricado pela Lexus, divisão de luxo da Toyota, desde 1989 até os dias atuais.
Tem plataforma e motores baseados no Toyota Camry, porém oferece níveis de acabamento diferenciados, geralmente com diversos equipamentos de luxo e eletrônica embarcada. Seu principal foco é o mercado americano, porém a companhia o vende na Europa e Ásia, exceto no Japão, onde os modelos Lexus são vendidos sob a bandeira Toyota. Embora seus veículos tenham sido importados para o Brasil desde 1990, quando o Presidente Collor liberou a vinda de veículos estrangeiros para o país, apenas em 2012 a Lexus formalizou sua presença no mercado brasileiro. Até então seus veículos podiam ser atendidos para manutenção e serviços em concessionários Toyota.

O Lexus ES-350 tem valor aproximado de R$213.267,00, com uma depreciação de 42.63%, ficando em 43º no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

42 - Renault FLUENCE Sedan Privilège

O Fluence é um sedan de porte médio da Renault apresentado em 2009. para substituir o Renault Megane Sedan e é vendido no Brasil desde 2010. Várias marcas, incluindo Michelin e Recaro, estiveram envolvidas com o desenvolvimento do Fluence. O veículo participa do Campeonato Brasileiro de Marcas desde a temporada de 2015. Compete na categoria TC2000 desde 2011, conquistando até 2015 13 vitórias.

O Renault FLUENCE Sedan Privilegè tem valor aproximado de R$103.810,00, com uma depreciação de 43.12%, ficando em 42º no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

41 - Ford FOCUS

Focus é um automóvel fabricado pela Ford desde 1998 para suceder o Escort e, à época de seu lançamento, disputar mercado com os mais modernos Fiat Brava, Chevrolet Astra (Opel Astra em Portugal) e Volkswagen Golf. Oferecendo motores mais modernos do que o modelo substituído e novo design, a Ford pretendia que Focus alcançasse o mesmo sucesso que o antecessor Escort. Uma de suas inovações na categoria foi a suspensão traseira multibraço, o que permitiu que o Focus disputasse com o Golf a qualificação de hatch que proporciona mais prazer em dirigir.

O Ford Focus tem valor aproximado de R$84.995,00, com uma depreciação de 43.14%, ficando em 41º no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

40 - Fiat Strada Working HARD

A picape da linha Palio surgiu em 1996, como modelo na plataforma 178, quase três anos depois do modelo que lhe deu origem. A Strada chegou para substituir a Fiat Fiorino Pick-up e apresentava muitas qualidades em relação a ela. Era maior, mais moderna, com maior oferta de equipamentos e com capacidade de carga ampliada. Inicialmente veio apenas com cabine simples, em três diferentes versões de motorização e acabamento: a básica era a Working, equipada com motor Fiasa 1.5 de 76 cv. A intermediária era a Trekking, com motor 1.6 de oito válvulas e 92 cv. E no topo da gama estava a LX, com motor 1.6 16V de 106 cv.

O Fiat Strada Working HARD tem valor aproximado de R$64.266,00, com uma depreciação de 43.18%, ficando em 40º no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

39 - AUDI A3 Sportback

O Audi A3 é um pequeno carro executivo familiar/subcompacto fabricado e comercializado desde 1996 pela subdivisão da Audi do Grupo Volkswagen, agora na sua terceira geração. O Audi A3 foi eleito pela revista Autoesporte o Carro do ano do Brasil de 2000.

O Audi A3 Sportback tem valor aproximado de R$130.034,00, com uma depreciação de 43.23%, ficando em 39º no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

38 - Mitsubishi Pajero HPE Full

O Pajero Full se apresenta em duas versões: 5 e 3 portas, ambas com bancos de couro dianteiros elétricos. A versão 5 portas tem espaço para até 7 passageiros. A de 3 portas – na realidade uma versão compacta do Pajero Full 5 portas – oferece o mesmo conforto interno, mas sem a terceira fileira de bancos. Tanto um como o outro, no entanto, honram o nome: são ágeis, resistentes e valentes como um Leopardus pajeros.

O Mistsubishi Pajero HPE Full tem valor aproximado de R$230.570,00, com uma depreciação de 43.33%, ficando em 38º no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

37 - Subaru Impreza SD WRX

O Subaru Impreza é um carro compacto fabricado desde 1992 pela Subaru, — a divisão de automóveis da japonesa Fuji Heavy Industries (FHI). O Impreza é apresentado como um substituto para a linha Leone e conhecido por sua confiabilidade mecânica e estabilidade proveniente do sistema de tração s-awd aliado com o consagrado motor boxer.

O Subaru Impreza SD WRX tem valor aproximado de R$193.345,00, com uma depreciação de 43.36%, ficando em 37º no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

36 - Dodge Journey RT

O Journey é um utilitário esportivo de porte médio-grande fabricado pela Dodge. É o modelo mais barato da Dodge no Brasil. O Journey é vendido com diversos itens de segurança, destacando controle eletrônico de estabilidade (ESP), controle de tração (ETC), assistência de frenagem de emergência (BAS), Sistema anti-capotamento (ERM), freios a disco nas 4 rodas com ABS, distribuição eletrônica de frenagem e Airbags.

O Dodge Journey RT tem valor aproximado de R$145.234,00, com uma depreciação de 43.50%, ficando em 36º no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

35 - Renault Duster Dynamique

O Dacia Duster ou Renault Duster é o primeiro crossover fabricado pela Dacia, que foi oficialmente exibido na edição de 2009 do Salão de Genebra.
Cogita-se que este protótipo sirva de base para um crossover, em desenvolvimento pela aliança Renault-Nissan, para mercados emergentes, que nos diferentes mercados, poderá utilizar a marca Dacia, Renault ou Nissan.
Em 2016, a Renault Duster recebe evoluções de design, acabamento, conectividade e ajustes nos motores. Com a Duster, a Renault conquistou 36,1% de participação no segmento de SUVs no Brasil.

O Renault Duster Dynamique tem valor aproximado de R$88.560,00, com uma depreciação de 43.53%, ficando em 35º no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

34 - Volkswagen Saveiro Trendline

Saveiro é um utilitário leve, que faz parte da linha Gol, fabricado pela Volkswagen.
Em sua versão intermediária, a Saveiro Trendline (disponível nas configurações Cabine Simples e Cabine Estendida e com o motor 1.6l MSI de até 104 cv) é voltada para o uso misto, ou seja, um veículo robusto para o trabalho, mas também com equipamentos valorizados pelos clientes, que utilizam a picape para o lazer, como direção hidráulica, vidros com acionamento elétrico e travamento central. A Saveiro Trendline traz também um novo revestimento para os bancos – Tear Snug Cinza.

O Volkswagen Saveiro Trendline tem valor aproximado de R$58.570,00, com uma depreciação de 44.07%, ficando em 34º no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

33 - Chevrolet TrailBlazer LTZ

O TrailBlazer é um utilitário esportivo médio-grande da Chevrolet, derivado do Chevrolet S10, fabricado no Brasil, sendo a Terceira Geração da Chevrolet Blazer. Conta com um grande espaço interno e pode levar até 7 passageiros.

O Chevrolet TrailBlazer LTZ tem valor aproximado de R$178.345,00, com uma depreciação de 44.10%, ficando em 33º no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

32 - Subaru Forester XT

O Subaru Forester é um crossover SUV compacto fabricado desde 1997 pela Subaru. Disponível no Japão desde 1997, o Forester compartilha sua plataforma com o Impreza. Foi premiado em 2009 e 2014 no Motor Trend como SUV of the Year e The Car Connection's Best Car To Buy 2014.

O Subaru Forester XT tem valor aproximado de R$172.866,00, com uma depreciação de 44.31%, ficando em 32º no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

31 - Mercedes Benz GLA 250 Sport

O Mercedes-Benz Classe GLA é um SUV compacto de luxo com cinco lugares apresentado na edição de 2013 Salão do Automóvel de Frankfurt. O Classe GLA utiliza a mesma plataforma do hatch Classe A. O Mercedes Benz GLA é posicionado com SUV de entrada da montadora alemã. O que o torna concorrente direto do Audi Q3 e do BMW X1.

O Mercedes Benz GLA 250 Sport tem valor aproximado de R$241.004,00, com uma depreciação de 44.56%, ficando em 31º no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

30 - Volkswagen Touareg

O Volkswagen Touareg é o primeiro utilitário esportivo de porte grande produzido pela Volkswagen. O modelo foi desenvolvido em parceria com a Porsche. O novo Touareg apresenta ao mundo a primeira tecnologia de farol automotivo. Os "sem brilho máximos" ("Dynamic Light Assist" da Volkswagen). Ao contrário de um feixe de alta adaptação do sistema, o mais novo sistema continuamente e gradualmente ajusta não só o alcance do feixe de alta, mas também o seu padrão. O padrão de feixe muda de direção continuamente para que os veículos em frente para não sejam iluminados, enquanto a área em torno deles está sendo constantemente iluminada à alta intensidade do feixe.

O Volkswagen Touareg tem valor aproximado de R$331.900,00, com uma depreciação de 44.69%, ficando em 30º no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

29 - Audi TT

O Audi TT é um automóvel esportivo de duas portas produzido pela Audi desde 1998. Em 2015 a terceira geração do audi tt chegou ao mercado com uma novidade no quesito tecnológico, um painel todo eletrônico chamado pela fabricante de Virtual Cockpit. O painel agora substituído por uma uma tela de 12 polegadas de alta definição pode ser configurado em dois modos de exibição. O Primeiro, mais tradicional, conta com velocímetro e conta-giros em primeiro plano. Porém estes instrumentos podem ficar menores para dar destaque para o mapa do navegador GPS, no segundo modo.

O Audi TT tem valor aproximado de R$275.160,00, com uma depreciação de 44.80%, ficando em 29º no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

28 - Nissan Sentra SV

O Nissan Sentra é um carro sedan médio produzido pela montadora Nissan, cujas origens remontam a 1982, sendo geralmente uma versão de exportação da japonesa Nissan Sylphy. O nome "Sentra" não é utilizado no Japão.
Como todos seus concorrentes neste país possuem motores de dois litros, a Nissan adota essa motorização na versão comercializada neste mercado, não seguindo a tendência de se disponibilizar as versões com motores de menores cilindradas vendidas nos demais países.

O Nissan Sentra SV tem valor aproximado de R$93.450,00, com uma depreciação de 44.95%, ficando em 28º no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

27 - Mercedes Benz Classe A 200

Muitos carros brasileiros costumam ter tecnologias criadas na Alemanha. No caso do Mercedes-Benz Classe A, ocorre o inverso. Produzido na Alemanha, o modelo, na versão A200, traz motor flexível, capaz de rodar com etanol e gasolina – misturados ou separadamente. Trata-se de um sistema típico dos veículos fabricados no Brasil.
O modelo não chega a ser empolgante, mas é muito bem construído e oferece excelente dirigibilidade. Por não ter a tração traseira típica dos demais Mercedes, ele se mostra um pouco menos arisco e com excelente estabilidade – tanto pelas respostas diretas da direção quanto pelo acerto da suspensão.

O Mercedes Benz Classe A 200 tem valor aproximado de R$147.192,00, com uma depreciação de 44.96%, ficando em 27º no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

26 - Volvo V40 T5 R-Design

O V40 é um carro familiar pequeno, com 5 portas (hatchback), fabricado pela Volvo. Foi revelado no Salão Internacional do Automóvel de Genebra de 2012 para substituir o S40 e V50. Foi considerado o carro mais seguro do ano pela Euro NCAP.
Este modelo foi um dos mais vendidos da Volvo em 2016.

O Volvo V40 T5 R-Design tem valor aproximado de R$171.980,00, com uma depreciação de 45.05%, ficando em 26º no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

25 - Mercedes Benz GLA 45 AMG

Aquele papo de que os últimos serão os primeiros não vale para o Mercedes-Benz GLA 45 AMG, pois ele não é o mais veloz da Classe A. Mas o SUV pode dizer que o último a ser lançado é o que melhor se encaixa no perfil de quem almeja um carro veloz, esportivo, muito bem equipado e (atenção a isto) confortável.

O Mercedes Benz GLA 45 AMG tem valor aproximado de R$353.697,00, com uma depreciação de 45.51%, ficando em 25º no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

24 - Audi A7 Sportback

O Audi A7 é um coupè de alto nível que foi lançado em 2010. Ele se posiciona no mesmo segmento do Mercedes-Benz CLS e do BMW Série 6, juntamente com o modelo da Jaguar que entrará no lugar do XJ. O cupê A7 tem uma nova plataforma, que também serve de base para o próximo Audi A6.
O Audi A7 tem um sistema de suspensão a ar, para dar tanto conforto quando o Mercedes-Benz CLS.

O Audi A7 Sportback tem valor aproximado de R$430.470,00, com uma depreciação de 45.69%, ficando em 24º no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

23 - Fiat Doblò Adventure

Doblò é um automóvel multiuso produzido pela FIAT. Possui duas variações: minivan e furgão. Foi lançado pela primeira vez ao público na Holanda e recebeu o prêmio "2006 Internacional Van of the Year" por um júri internacional de 19 países. Em Setembro de 2003, a Fiat Brasil introduziu uma versão off road 4x2 chamada Fiat Doblò Adventure. Em 2009, toda a linha Adventure (Doblò, Idea, Strada e Palio Weekend) foi equipada com um diferencial de fechadura. A linha foi rebatizada como Adventure Locker.

O Fiat Doblò Adventure tem valor aproximado de R$96.130,00, com uma depreciação de 45.99%, ficando em 23º no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

22 - Mini Cooper S

O Mini Hatch (estilizado como MINI hatch, ou MINI Hardtop nos EUA), também conhecido como Mini Cooper, Mini One, ou simplesmente Mini, é um hatchback de três portas ou cinco portas introduzido pela primeira vez no final de 2000, com uma segunda geração lançada em 2006 e um modelo de terceira geração lançado em 2014. Uma versão conversível foi introduzida em 2004, com a segunda geração seguindo em 2008.
O Mini Hatch foi o primeiro modelo lançado pela BMW sob a marca Mini após o Mini original ter sido descontinuado em 2000. O novo modelo construído pela BMW não tem relação técnica com o primeiro.

O Mini Cooper S tem valor aproximado de R$168.373,00, com uma depreciação de 46.08%, ficando em 22º no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

21 - Jeep Grand Cherokee Limited

O Grand Cherokee é um SUV médio-grande produzido pela Jeep, lançado em 1993. Sucedeu ao Grand Wagoneer. O carro possui versão a gasolina e diesel. A nova versão diesel lançado em 2014, possui motor 3.0 V6 diesel de 241 cv. O veículo possui tração 4x4 em tempo integral Quadra-Trac II.

O Jeep Grand Cherokee Limited tem valor aproximado de R$273.157,00, com uma depreciação de 46.26%, ficando em 21º no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

20 - BMW M6 Gran Coupè

O BMW M6 é uma versão de alto desempenho do coupé/conversível da Série 6, projetado e desenvolvido pela divisão de automobilismo da BMW. O BMW M6 foi baseado nas gerações subseqüentes da série 6.
No modelo do ano 2010, o M6 era o segundo BMW mais caro vendido nos EUA depois dos US$ 137.000 760Li, com um MSRP de US$ 108.150 para o conversível e US$ 102.350 para o coupé.

O BMW M6 Gran Coupè tem valor aproximado de R$698.042,00, com uma depreciação de 46.55%, ficando em 20º no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

19 - BMW Série 3 320iA Sport ActiveFlex

Em maio de 1975 começava a produção do BMW Série 3, o modelo de maior volume de vendas da história da marca alemã. Nestes 40 anos o Série 3 passou por seis gerações e, embora tenha crescido em tamanho, sofisticação e variedade de carrocerias, manteve elementos cruciais como a tração traseira e a opção de motores de seis cilindros em linha, presentes desde a primeira geração. Conheça em síntese cada uma delas.

O BMW Série 3 320iA Sport ActiveFlex tem valor aproximado de R$192.659,00, com uma depreciação de 46.60%, ficando em 19º no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

18 - BMW Classe B 200 CGI

O Mercedes-Benz Classe B é um MPV executivo (segmento-M) compacto produzido pela montadora alemã Mercedes-Benz desde 2005. A Mercedes-Benz o comercializa como um Tourer esportivo compacto. É semelhante ao Classe A, embora maior e com motores maiores. O Programa Europeu de Avaliação de Automóveis Novos (Euro NCAP) classifica-o como um pequeno veículo multifuncional (MPV). Em 20 de dezembro de 2013, a entrega de veículos da Classe B atingiu 1 milhão desde o lançamento da Classe B em 2005.

O BMW Classe B 200 CGI tem valor aproximado de R$151.956,00, com uma depreciação de 46.73%, ficando em 18º no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

17 - Chevrolet Camaro SS

O Camaro é um coupé esportivo de porte médio da Chevrolet. Produzido desde 1966, trata-se de muscle car que seria a resposta da General Motors ao Ford Mustang, de 1964. Sua produção foi interrompida em 2002, mas a General Motors retomou a produção de uma nova versão em 2009.

O Chevrolet Camaro SS tem valor aproximado de R$295.657,00, com uma depreciação de 46.76%, ficando em 17º no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

16 - Palio Weekend ATTRACTIVE

A Weekend (anteriormente chamada de Palio Weekend) foi um automóvel de passeio fabricado pela Fiat. É a versão perua (station wagon) do Palio. O modelo já teve quatro desenhos diferentes, sendo que a quarta reestilização é, sem dúvida, a de maior sucesso. As pessoas são atraídas pelo design equilibrado, o espaço interno e o bagageiro abundantes, bem como pela praticidade, manutenção barata e pelo consumo moderado para um veículo de seu porte.

A Palio Weekend ATTRACTIVE tem valor aproximado de R$62.380,00, com uma depreciação de 47.71%, ficando em 16º no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

15 - Mistsubishi OUTLANDER

O Outlander é um utilitário esportivo produzido pela Mitsubishi. Foi originalmente conhecido como Airtrek, quando foi introduzido no Japão, em 2001, e foi baseado no ASX (exposto no North American International Auto Show, em 2001).
O Outlander foi modificado desde a grelha frontal e faróis, quando foi introduzido em 2003. Tanto o Outlander como o Airtrek foram produzidos em paralelo posteriormente.

O Mistsubishi OUTLANDER tem valor aproximado de R$144.493,00, com uma depreciação de 48.15%, ficando em 15º no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

14 - Hyundai ix35

O ix35 é um utilitário esportivo da Hyundai. Em alguns países é conhecido como New Tucson, mas no Brasil, como o Tucson continua sendo produzido, adotou o nome de ix35, mesmo nome usado na Europa. Começou a ser fabricado na Coreia em dezembro de 2009, e a ser montado no Brasil pela CAOA em Agosto de 2013, com o motor Nu 2.0.

O Hyundai ix35 tem valor aproximado de R$122.320,00, com uma depreciação de 48.32%, ficando em 14º no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

13 - Lexus RX-350 F-Sport

O RX é utilitário esportivo compacto da Lexus, que foi teve vendas iniciadas em 1998, por meio do lançamento da versão RX300. Em 2013, o modelo "RX" representava quase 40% (quarenta por cento) das vendas da Lexus.
Em setembro de 2005, foi lançada a versão RX400h que era um automóvel híbrido equipado com transmissão continuamente variável (Câmbio CVT).
A versão RX450h também é um automóvel híbrido equipado com transmissão continuamente variável (Câmbio CVT).

O Lexus RX-350 F-Sport tem valor aproximado de R$356.224,00, com uma depreciação de 48.96%, ficando em 13º no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

12 - Audi RS Q3

O Audi Q3 é um SUV compacto de luxo com cinco lugares apresentado na edição de 2012 Salão do Automóvel de Xangai. O Audi Q3 é vendido em versões com tração 4x2 e 4x4.
O Audi Q3 é posicionado como SUV intermediário da marca alemã estando acima do Audi Q2 e abaixo do Audi Q5.

O Audi RS Q3 tem valor aproximado de R$352.908,00, com uma depreciação de 49.41%, ficando em 12º no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

11 - Audi SQ5

O Q5 é um utilitário esportivo de porte médio da Audi. Foi apresentado oficialmente na edição de 2008 do Salão de Pequim. Audi originalmente informou que ofereceria o Q5 híbrido como modelo de lançamento, mas posteriormente foi reportado que a Audi suspendeu o plano por causa de resultados de teste de colisão insatisfatórios para as baterias de níquel metal hidreto. Em 2009, a Audi anunciou que retomaria o desenvolvimento híbrido do Q5.

O Audi SQ5 tem valor aproximado de R$403.734,00, com uma depreciação de 50.12%, ficando em 11º no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

10 - Audi A6

O Audi A6 é um carro executivo fabricado pela montadora alemã Audi, agora em sua quinta geração. Como o sucessor do Audi 100, o A6 é fabricado em Neckarsulm, na Alemanha, e está disponível em configurações de sedan e wagon, este último comercializado pela Audi como o Avant. A numeração interna da Audi trata a A6 como uma continuação da linhagem Audi 100, com a inicial A6 designada como membro da série C4, seguida pela C5, C6, C7 e C8.

O Audi A6 tem valor aproximado de R$313.857,00, com uma depreciação de 52.04%, ficando em 10º no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

9 - BMW 328iA

O BMW Série 3 é um carro executivo compacto fabricado pela montadora alemã BMW desde Maio de 1975. É o sucessor da Série 2 e foi produzido em sete gerações diferentes.
A Série 3 é o modelo mais vendido da BMW, responsável por cerca de 30% das vendas totais anuais da marca BMW (excluindo motocicletas). O BMW Série 3 ganhou inúmeros prêmios ao longo de sua história.

O BMW 328iA tem valor aproximado de R$247.135,00, com uma depreciação de 52.05%, ficando em no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

8 - Audi Q7

O Audi Q7 é um SUV de luxo completo feito pela fabricante alemã Audi, apresentado em Setembro de 2005 no Salão de Frankfurt. A produção deste SUV de 7 lugares começou no Outono de 2005 na fábrica da Volkswagen Bratislava em Bratislava, na Eslováquia. Foi a primeira oferta de SUV da Audi e começou a ser vendida em 2006. Mais tarde, o segundo SUV da Audi, o Q5, foi apresentado como um modelo de 2009. A Audi apresentou um terceiro modelo SUV, o Q3, que foi colocado à venda no terceiro trimestre de 2011. O Q7 compartilha uma plataforma e um chassi do Grupo Volkswagen MLB com o Bentley Bentayga, o Lamborghini Urus, o Porsche Cayenne e o Volkswagen Touareg.

O Audi Q7 tem valor aproximado de R$441.776,00, com uma depreciação de 52.22%, ficando em no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

7 - Volvo V60 MOMENTUM

O Volvo V60 é uma perua de cinco portas produzida pela Volvo Cars relacionada ao S60. O veículo foi lançado pela primeira vez no outono de 2010, atualizada em 2014, e está em sua segunda geração desde 2018.
A segunda geração da V60 foi lançada em 2018 com base na plataforma de Arquitetura de Produto Escalável da Volvo. Ambas as gerações apresentam uma variante "Cross Country" com uma maior altura de condução.

O Volvo V60 MOMENTUM tem valor aproximado de R$202.980,00, com uma depreciação de 53.08%, ficando em no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

6 - BMW X6

O BMW X6 é um crossover de luxo de tamanho médio da montadora alemã BMW.
A primeira geração (E71) foi lançada para venda em Abril de 2008 para o ano modelo 2009. O X6 foi comercializado como um coupé de atividade esportiva (SAC) pela BMW. Ele combina os atributos de um SUV (alta distância ao solo, tração nas quatro rodas e capacidade para todos os climas, rodas grandes e pneus) com a postura de um coupé (estilo com teto inclinado). Foi baseado nas gerações anteriores da BMW 5 e 6.

O BMW X6 tem valor aproximado de R$685.612,00, com uma depreciação de 53.82%, ficando em no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

5 - Mercedes Benz E-250 CGI Avantgarde

A Classe E é uma linha de sedans e peruas de porte médio da Mercedes. Seus maiores concorrentes são o Audi A6 e o BMW Série 5. É produzido desde 1993 e foram comercializadas até hoje 5 gerações deste modelo. A Classe E é uma linha de sedans e peruas de porte médio da Mercedes. Seus maiores concorrentes são o Audi A6 e o BMW Série 5. É produzido desde 1993 e foram comercializadas até hoje 5 gerações deste modelo.
Historicamente, a Classe E é o modelo mais vendido da Mercedes-Benz, com mais de 13 milhões vendidos até 2015. A primeira série da Classe E estava originalmente disponível como sedan de quatro portas, perua de cinco portas, coupè de duas portas e duas portas conversíveis. De 1997 a 2009, o coupè equivalente e conversível foram vendidos sob a placa de identificação da Mercedes-Benz Classe CLK; que na verdade foi baseada nos fundamentos mecânicos do Classe C menor, enquanto emprestava o estilo e alguns motorizações da classe E.

O Mercedes Benz E-250 CGI Avantgarde tem valor aproximado de R$317.995,00, com uma depreciação de 53.86%, ficando em 5º no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

4 - Audi Q3

O Audi Q3 é um SUV compacto de luxo com cinco lugares apresentado na edição de 2012 Salão do Automóvel de Xangai. O Audi Q3 é vendido em versões com tração 4x2 e 4x4.
O Audi Q3 é posicionado como SUV intermediário da marca alemã estando acima do Audi Q2 e abaixo do Audi Q5. O veículo tem como principais concorrentes o BMW X1 e o Mercedes-Benz Classe GLA.

O Audi Q3 tem valor aproximado de R$227.164,00, com uma depreciação de 54.19%, ficando em no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

3 - Mercedes Benz C180 CGI Coupè Sport

A Classe C é uma linha de modelos compactos da Mercedes-Benz. Ela é oferecida em versão sedan, touring e coupè. Foi Introduzido no mercado mundial em 1993 como um substituto para o 190, os C-Classe foram apelidados de "Baby Benz", como era o menor modelo da marca, até a chegada do Classe A em 1997.
A plataforma do Classe C tem sido utilizada para vários cupês, incluindo o CLC-Class (e seu antecessor, o Classe C SportCoupè) eo coupè Classe E (e seu antecessor, o Classe CLK).

O Mercedes Benz C180 CGI Coupè Sport tem valor aproximado de R$206.087,00, com uma depreciação de 54.83%, ficando em no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

2 - Kia Sorento

O Kia Sorento é um utilitário esportivo da Kia Motors, ficando abaixo do Kia Mohave, porém acima do Kia Sportage.
Em quesito segurança o Sorento 2011 foi galardoado com a classificação máxima 5/5 estrelas de segurança do especialista em segurança acidente, o Programa Europeu de Avaliação de Novos Veículos (Euro NCAP) e Programa de Avaliação do Australasian New Car (ANCAP).
A Sorento também foi premiado no segmento "Top Safety Pick" do Insurance Institute for Highway Safety (IIHS), nos Estados Unidos e teve seu feito repetido na nova recém atualizado para 2014.

O Kia Sorento tem valor aproximado de R$219.944,00, com uma depreciação de 55.05%, ficando em no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

1 - Peugeot 3008 Griffe

O Peugeot 3008 é um crossover de porte médio da Peugeot. Foi o primeiro off-road da marca francesa Peugeot.
Meio minivan, meio utilitário, o antigo Peugeot 3008 era a verdadeira definição de crossover, aquele carro que mistura várias tendências. Atente para o "era", pois o novo 3008 se assumiu como utilitário no estilo.
É mais uma questão de estilo, pois a plataforma é de carro de passeio devotado ao asfalto. Como boa parte do público interessado em crossovers dessa faixa abre mão da tração 4X4, não há nada de errado em ser mais automóvel do que um SUV à moda antiga. Até pelo contrário, isso ajudou o 3008 a ganhar o prêmio de Carro do Ano de 2017 na Europa.

O Peugeot 3008 Griffe tem valor aproximado de R$155.437,00, com uma depreciação de 55.75%, ficando em no ranking de carros maior desvalorização nos últimos 5 anos no Brasil.

____CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE____

SIGA NO FACEBOOK

Em alta