Carro

Descubra como ganhar uma renda extra como motorista de Uber

Saiba qual é o passo a passo e tire todas as suas dúvidas de como se tornar motorista de Uber e ganhar uma renda extra em épocas de dificuldades financeiras.

Anúncios

Saiba como virar motorista de Uber

Saiba como virar motorista de Uber
Saiba como virar motorista de Uber

Por conta da pandemia do novo coronavírus muitos perderam o emprego e a economia foi afetada, o que levou o Brasil a um alto nível de desemprego. Uma saída que muitas pessoas têm utilizado para driblar a crise é trabalhar como motorista de Uber. 

Quem opta por trabalhar com a empresa pode ter ganhos capazes de superar o salário mínimo em até 3 vezes em capitais como São Paulo com carros mais simples.

Esse valor pode variar por conta da cidade, dos horários de trabalho e do tipo de carro utilizado. 

Pensando em te ajudar a levantar uma grana extra escrevemos um artigo mostrando como ganhar renda extra como motorista de Uber. Não deixe de conferir!

Anúncios

Como ser motorista de Uber?

O primeiro passo para começar a trabalhar como motorista de Uber é entrar no site da empresa, realizar o seu cadastro e enviar a documentação necessária solicitada pelo app. 

Documentos necessários para cadastro

A lista de documentos para se cadastrar como motorista de Uber é simples e acessível conforme vamos te mostrar agora:

  • Carteira Nacional de Habilitação CNH;
  • Foto de Perfil;
  • Comprovante de Residência;
  • Certificado do curso para CONDUAPP ou CONDUTAX;
  • CRLV (licenciamento veicular).

A documentação deve ser enviada online por meio do site do aplicativo, o que facilita a entrada dos motoristas que desejam trabalhar e ganhar uma renda extra. 

Anúncios

Requisitos

Existem alguns requisitos específicos para ser motorista de Uber. 

É necessário ser maior de idade, não ter antecedentes criminais e ter a CNH com categoria B definitiva com a observação EAR: Exerce Atividade Remunerada. 

Esse tipo de notificação que vem registrada na parte de trás da carteira de motorista é essencial para quem trabalha com veículos. 

A empresa não aceita motorista com PPD – Permissão para dirigir que é o registro provisório de um ano dado pelo DETRAN para motoristas recém-habilitados. 

Como obter o EAR na carteira de motorista? 

Como obter o EAR na carteira de motorista? 
Como obter o EAR na carteira de motorista? 

Para obter o EAR na carteira de motorista é necessário solicitar a renovação da CNH. 

O pedido pode ser feito pessoalmente no Detran ou através de aplicativos e sites de cada estado. 

É necessário informar que deseja incluir a observação EAR.

Na renovação será preciso fazer um exame psicológico e após essa consulta a nova CNH será entregue na casa do motorista em até 10 dias úteis. 

Algo importante a ser dito sobre o tempo de entrega da CNH é que ele varia de estado para estado. 

Período de aprovação de motoristas

Após o envio de toda a documentação o tempo médio de aprovação de motoristas é de aproximadamente 10 dias. 

Empresa verifica antecedentes criminais

Outro ponto importante de ser elencado é que a empresa de transporte por aplicativo faz um levantamento dos antecedentes criminais dos motoristas que se cadastram para atuarem como motoristas. 

Visando a segurança dos usuários, motoristas com antecedentes criminais não são aprovados para atuarem como motorista de Uber. 

Qual carro é preciso ter para trabalhar como motorista no aplicativo?

Qual carro é preciso ter para trabalhar como motorista no aplicativo?
Qual carro é preciso ter para trabalhar como motorista no aplicativo?

A resposta para essa questão depende diretamente da categoria na qual o motorista deseja atuar. 

Para atuar como Uber X que é a versão mais utilizada e também uma das mais baratas o aspirante a motorista de Uber precisa ter um carro ano/modelo de 2008 ou mais novo com quatro portas, cinco lugares e ar-condicionado. 

Para ser motorista de Uber Select, que tem preços 20% maiores que o Uber X a empresa exige que os veículos sejam ano/modelo 2021 ou superiores também com quatro portas, cinco lugares e ar-condicionado. 

Visando trabalhar como Uber Black cujo preço é o dobro do praticado do Uber X o motorista deve ter um veículo na cor preta do tipo Sedan ou SUV. 

A Empresa exige anos e modelos específicos de veículos para que o motorista se enquadre em cada categoria.

10 melhores carros para motorista de app!

Veja as melhores opções de carros com ótimo custo-benefício para motoristas de app!

É possível trabalhar como motorista de Uber sem ter carro

Pois uma informação importante que muita gente não sabe é que é possível trabalhar como motorista de Uber sem ter um carro. 

Nesse caso basta alugar um veículo de outra pessoa ou de locadoras que cumpram as exigências da empresa. 

Assim, os valores de aluguel dependem do modelo e da quilometragem do automóvel e a própria Uber tem parcerias com algumas locadoras de veículos. 

Uma das locadoras mais famosas de veículos que dispõe de uma modalidade de locação apenas para uber é a Localiza Hertz. 

Mas caso você não tenha carro e deseja trabalhar como motorista do aplicativo, você pode proceder com o aluguel do um carro. 

Motorista do aplicativo tem algum registro em carteira? 

Pois quem opta por ser motorista da empresa não tem nenhum tipo de registro em carteira. Isso porque ao iniciar a jornada, a pessoa é considerada autônoma uma vez que pode trabalhar a hora que quiser e pelo período que bem entender. 

Quanto ganha um motorista de Uber e como é feito o pagamento? 

Quanto ganha um motorista de Uber e como é feito o pagamento? 
Quanto ganha um motorista de Uber e como é feito o pagamento? 

O valor ganho como motorista de Uber variam de acordo com a cidade de atuação, o horário de trabalho e o tipo de carro que possuem para trabalhar que são enquadrados nos diferentes tipos de categoria do app. 

Então, de modo geral, motoristas do aplicativo ganham cerca de R$ 600 a R$ 800 por semana, já descontados os gastos com combustível.

Ademais, esses ganhos são compatíveis com carga horária semanal variando entre 60 e 70 horas por semana. 

Pois o pagamento é feito por meio de repasse semanal para os motoristas que podem ser feitos entre segunda e sexta-feira. 

Motoristas e passageiros estão sempre segurados

Então, aqui temos um ponto que muita gente desconhece. Assim, tanto os motoristas quanto os passageiros estão segurados pela empresa. 

O seguro inclui cobertura de despesas médicas hospitalares e odontológicas de até R$ 15 mil.

Há coberturas por invalidez permanente total ou parcial de até R$ 100 mil dependendo do grau da perda ou da redução funcional do membro afetado. 

Mas, em caso de óbito por conta de acidente o valor do seguro está fixado em R$ 100 mil.

Assim, agora que você já sabe tudo o que é preciso para trabalhar como um motorista de Uber para ganhar uma renda extra, que tal se cadastrar no app? Ademais, confira abaixo se ainda vale a pena para as pessoas irem de uber, ou se elas devem comprar um carro.

 

É melhor comprar um carro ou ir de uber?

Muito se fala em mobilidade urbana nos dias atuais e muita gente tem dúvidas sobre comprar um carro ou ir de Uber. Veja se vale a pena usar o app ou ter um carro seu!

Sobre o autor

Murilo C.

Redator especialista em carros, se identifica com conteúdos relacionados a lançamentos e análises de veículos e acredita que compartilhar conhecimento na área ajuda todos a tomarem melhores decisões em busca do veículo ideal para cada tipo de perfil.

Em Alta

content

Volvo XC60: Confira as novidades e saiba porque um modelo usado pode ser uma boa ideia

Confira as novidades do Volvo XC60 2020,e saiba quais são os motivos pelos quais pensar em um modelo usado pode ser uma boa ideia!

Continue lendo
content

Guariglia Leilões de veículos: Conheça e saiba se é confiável

Conheça a Guariglia Leilões de veículos, toda a sua estrutura interestadual e sua forma de funcionamento, se é confiável e se vale a pena!

Continue lendo
content

Leilão de carros seguro: 8 dicas infalíveis para saber se um site é confiável

Conheça nossas dicas para comprar somente em site de leilão de carros que seja seguro! Preste atenção nelas, e economize sem cair em golpes!

Continue lendo

Leilão de Carros

Como saber se o carro é de leilão? As principais maneiras de descobrir

Na hora de comprar um carro, você gostaria de saber se o carro é de leilão? Embora isso não seja um problema, existem pessoas que querem conhecer todo o histórico do carro e isso você aprende agora.

Como fazer para saber se o carro é de leilão

Ter um carro próprio para rodar de maneira mais fácil no dia a dia ou até mesmo para aproveitar os momentos de lazer é uma meta comum para muita gente, mas infelizmente a maioria não consegue juntar dinheiro para isso. Dessa maneira, diante dessa realidade, saber se o carro é de leilão acaba sendo um diferencial muito importante na hora de garantir um veículo

Os principais termos de leilões

Conheça os termos mais utilizados em um leilão e fique por dentro desse tipo de negócio

O mercado de leilões não para de crescer e por isso é fundamental quebrar barreiras e preconceitos que esse mercado ainda possui. 

Embora muita gente ainda não goste de carros de leilão, essa é uma excelente alternativa para comprar um modelo da marca que você sempre sonhou em ter e que você pode pagar. 

Pensando em te manter informado sobre o assunto, dessa vez nossos especialistas capricharam. 

Hoje você vai aprender a saber se o carro é de leilão, além de obter muitas outras informações antes de fechar qualquer tipo de negócio. 

Se você está em busca de um carro barato e funcional para chamar de seu, a leitura do artigo de hoje é uma ordem. 

Bora lá?

Qual a diferença entre um carro de leilão e um carro de concessionária?

Se você tem algum tipo de preconceito com leilões, o que vamos te dizer agora pode ser uma surpresa. 

Os carros provenientes de leilões tem na grande maioria das vezes a mesma qualidade dos veículos seminovos comercializados em concessionárias e estacionamentos. 

Inclusive, eles são vistos como um ótimo investimento, afinal são mais baratos, o que dá uma boa margem de lucro para revenda. 

Além do mais, outro ponto importante de ser ressaltado, é que ao contrário do que muitas pessoas dizem, um carro de leilão pode ser segurado e até mesmo comprado por meio de financiamento. 

Na maioria das vezes, os carros comercializados em leilão, vêm justamente de financiadoras.

Isso acontece porque as pessoas que os financiaram não conseguiram pagar as prestações. 

Outro local de origem dos veículos de leilões são as frotas de empresas ou locadoras, e na maioria das vezes, esses automóveis são novos e estão em excelente estado de conservação. 

E tem mais coisa boa: Todos esses veículos possuem um preço de até 50% do valor da Tabela Fipe. 

Ou seja, é economia pura. 

Certo, você já notou que se trata de um bom negócio, não é mesmo? Mas mesmo assim gostaria de saber se o carro é de leilão. 

Então, respira fundo e aguenta firme. Porque é isso que vamos te mostrar agora. 

Afinal, como saber se o carro é de leilão?

Um dos motivos que mostra que o carro de leilão não pode ter o seu valor depreciado e nem ser desvalorizado para revenda é que não há nada escrito sobre a sua origem no documento. 

Para saber se o carro é de leilão ou não existem dois passos que precisam ser seguidos:

Solicitar uma perícia veicular ou consultar o seu histórico. Vamos te mostrar agora como funcionam cada um desses procedimentos. 

Solicitando perícia veicular

Uma das maneiras mais utilizadas para saber se o carro é de leilão é a perícia veicular. 

Esse é um exame minucioso feito para atestar se um carro sofreu ou não alterações que podem ter sido feitas no chassi, placas, motor ou até mesmo na documentação.

Normalmente, esse procedimento é feito por lojas, especialmente com a intenção de encontrar eventuais reparos estruturais que tenham sido feitos nos veículos ao longo do tempo antes de comprá-los. 

No caso de um veículo proveniente de leilão, o processo é similar o feito em qualquer outro carro. 

Nesse caso, a perícia só vai certificar o estado do automóvel. 

Checar o histórico do veículo

Outra alternativa para quem quer saber se o carro é de leilão é checar o histórico do veículo. 

E a boa notícia para os detetives de plantão é que isso pode ser feito de diferentes maneiras, inclusive pela internet. 

Existem empresas e sites especializados no assunto que cobram valores baixos para realizar esse tipo de procedimento. 

Para checagem do histórico veicular, é preciso apenas informar a placa do carro. 

Em seguida será possível verificar a origem da compra e outros dados que podem ser interessantes, como indícios de sinistros, por exemplo. 

Dessa maneira, a consulta indica se existem riscos de comercialização com base em vistorias já feitas, o que não é o caso de veículos que foram leiloados. 

Como funciona a avaliação de um carro para serem vendidos no leilão?

No leilão tradicional, existem veículos que são disponibilizados para vendas públicas e para isso precisam ser avaliados previamente.

Isso garante um veículo de qualidade e que ajuda a definir o valor do lance inicial.

Ao contrário do que muita gente pensa,essa avaliação é um trâmite comum, como seria feito por qualquer outra empresa que se dispõe a fazer outro tipo de venda. 

Em se tratando de veículos de leilão, os aspectos que são analisados são os mesmos que seriam em uma loja comum ou direto com o cliente, com a vantagem de que os modelos leiloados acabam saindo por um valor muito mais barato do que os em tabela. 

Vamos mostrar agora os principais fatores levados em consideração que influenciam a precificação 

Estado de conservação

O estado de conservação é um dos aspectos mais importantes depois de saber se o carro é de leilão. 

Sejam eles negociados por uma leiloeira ou uma concessionária ou até mesmo diretamente com o proprietário. 

Afinal, um veículo bem cuidado que não apresenta avarias aparentes ou deterioração, normalmente é mais caro. 

Dentro desse contexto, a quilometragem acaba fazendo também uma grande diferença. 

Embora exemplares de carros de donos cuidadosos podem ser mais valorizados do que outros mais novos, podem ter passado por batidas, quebras ou mau uso. 

Assim, é preciso ter olhos atentos e sempre contar com um profissional.

Existência de sinistros

Todo e qualquer veículo está sujeito a passar por acidentes, principalmente se levarmos em conta que o Brasil é um país com os mais altos índices de violência no trânsito. 

No entanto, é preciso considerar que, muitas vezes, eles não são graves e podem acometer apenas pequena parte do carro, como a pintura ou a estrutura externa. 

Dessa forma, é possível se valer de consertos eficientes, com técnicas que deixam com aparência de novo. 

A questão é que isso acaba influenciando no preço. 

No caso dos leilões, a vantagem é que qualquer dano mais sério vem especificado no edital, o que traz mais segurança para o comprador, como exige a legislação do Brasil. 

Demanda do mercado

E por fim, o interesse das pessoas na aquisição de um modelo de determinada marca, ou seja, a sua demanda no mercado também é um fator que influencia no preço de um veículo oferecido em leilão. 

A grande vantagem aqui, é que mesmo os veículos mais procurados e desejados acabam tendo valores muito mais acessíveis em leilões do que em concessionárias ou então quando negociados direto com o proprietário. 

Conclusão

Agora que você já aprendeu como saber se o carro é de leilão, e entendeu que comprar um veículo nesse tipo de negócio é seguro, nossa dica é simples e funcional:

Compre seu próximo carro por meio de um leilão veicular. 

Hoje no Brasil existem diversas leiloeira que são seguras e oferecem veículos em estado de 0 km com muita qualidade. 

Pouca gente sabe, mas por meio de leilões é possível comprar carros, motos, vans, furgões, caminhões e até mesmo ônibus e tudo isso com valores até 50% mais baratos. 

Se você tem a intenção de participar de leilões, mas ainda não conhece muita coisa sobre esse tipo de negócio, não se preocupe. 

Nossa dica é que você comece a estudar um pouco sobre leilões, e uma das principais formas de começar a estudar é por meio dos termos que são utilizados em um leilão. 

Para te ajudar, nossos especialistas fizeram um artigo especial com os principais termos usados em um leilão. 

Inicie seus estudos agora mesmo se familiarizando com esses termos. Para isso é só clicar abaixo! 

Os principais termos de leilões

Conheça os termos mais utilizados em um leilão e fique por dentro desse tipo de negócio

Você também pode gostar

content

Volkswagen Tiguan Allspace: O carro para quem quer algo diferente

Senhor Carros | Os melhores artigos sobre carros da internet! Volkswagen Tiguan Allspace: O carro para quem quer algo diferente

Continue lendo
content

Carro parcelado na promissória: Saiba quais são as vantagens

Senhor Carros | Os melhores artigos sobre carros da internet! Carro parcelado na promissória: Saiba quais são as vantagens

Continue lendo
content

Saiba quais são os 20 piores carros para revenda Chevrolet

Você trabalha comprando e revendendo carroa? Então descubra quais são os 20 piores carros para revenda Chevrolet e evite prejuízos!

Continue lendo