Avaliação de veículos

Hyundai Nexo: o modelo que roda 900 km com um tanque

Já imaginou encher o tanque do seu carro e rodar por 900 km sem precisar abastecer? Pois é isso que o Hyundai Nexo faz. Conheça o modelo e descubra o real motivo de sua autonomia ser tão grande.

Anúncios

Saiba tudo sobre o Hyundai Nexo, super econômico em combustível

Hyundai Nexo é veículo a hidrogênio. Fonte: Hyundai.
Hyundai Nexo é veículo a hidrogênio. Fonte: Hyundai.

O sistema de propulsão mais moderno que existe no mundo hoje é utilizado pelo Hyundai Nexo. 

Assim, esse SUV elegante e requintado conta com uma célula de combustível a hidrogênio.

Dessa forma, além de ser um veículo com grande poder de autonomia, o Nexo ainda é capaz de purificar o ar quando está rodando.

Embora o uso de hidrogênio como alternativa aos combustíveis fósseis e a eletricidade em si seja apontada como o futuro da indústria automotiva, isso ainda está longe de acontecer.

Como a gente já te mostrou, muitas montadoras estão abandonando os combustíveis fósseis.

Assim, em breve teremos uma grande massa de veículos 100% elétricos rodando nas ruas. 

Contudo, ao mesmo tempo que os elétricos ganham espaço, os veículos movidos à hidrogênio já começam dar as caras. 

Dessa forma, é possível afirmar que os elétricos não terão uma vida tão longa quanto os veículos à combustão.

E com certeza, os veículos que irão dominar o mundo são os movidos à hidrogênio, como é o caso do Hyundai Nexo! 

Se você busca um veículo com grande poder de autonomia e que seja ecologicamente correto, o Nexo é uma excelente opção para você. 

Então, para te trazer o máximo de informações sobre o veículo, nossos especialistas produziram um conteúdo mais do que especial.

Bora conhecer o carro que roda 900 km com um tanque?

Então, partiu! 

Conheça o carro elétrico mais barato do Brasil

Confira nossa lista com os 5 veículos elétricos mais baratos do Brasil e descubra o valor do modelo mais em conta vendido por aqui!

Anúncios

Hyundai nexo: carro a hidrogênio

Hyundai Nexo é movido a hidrogênio. Fonte: Adobe Stock.
Hyundai Nexo é movido a hidrogênio. Fonte: Adobe Stock.

Essa grande autonomia do Hyundai Nexo só é possível devido à tecnologia empregada como fonte de energia: o hidrogênio.

Embora o modelo também conte com um motor elétrico, que é capaz de entregar 163 cavalos de potência, o modelo tem uma grande diferença.

Ele possui cilindros de hidrogênio no lugar das baterias dos modelos que são 100% elétricos.

Assim, a energia obtida por meio da reação química do hidrogênio com o oxigênio da atmosfera resulta em uma água limpa, ao invés de poluentes.

Dessa forma, de maneira prática, é possível afirmar que o Nexo ajuda a limpar o ar!

Outra grande vantagem é o fato do nexo não precisar ficar ligado na tomada por horas para ser carregado. 

Bastam apenas alguns minutos para encher os cilindros de hidrogênio, que possuem capacidade de 156 litros em um posto para que a autonomia de 900 km esteja à sua disposição. 

Além disso, o Nexo faz uso de diversos materiais naturais em sua construção.

Tintas a base de óleo de soja e bioplástico extraído da cana de açúcar estão em vários componentes da cabine do SUV.

Ou seja, o nexo é realmente um modelo que pensa de forma sustentável. 

Como funciona o Hyundai Nexo?

O Hyundai Nexo foi lançado no ano de 2018 e na época possuía autonomia de “apenas” 666 km. 

Mas isso não era o bastante para a Hyundai que a partir do lançamento investiu pesado para tornar o modelo mais econômico, contudo sem perder potência. 

Assim, depois de 3 anos de muitas pesquisas e desenvolvimento, o modelo foi capaz de bater um verdadeiro recorde de autonomia. 

O responsável por conduzir o modelo rumo ao recorde foi o piloto de Ray Brendan Reeves.

A bordo do Nexo, ele fez uma viagem entre Melbourne e Silverton, na Austrália, resultando no recorde de autonomia. 

De acordo com a montadora, a viagem levou 13 horas para ser completada em uma velocidade média de 66 km/h. 

O primeiro alerta de combustível surgiu após 686 km rodados. 

Contudo, o veículo ainda teve autonomia para rodar pouco mais de 200 km. 

Assim, durante o percurso, o SUV consumiu 6,27 kg de hidrogênio, com uma média de 0,706 kg a cada 100 km.

Dessa forma, ele purificou mais de 449 litros de ar durante a viagem. 

Quantidade suficiente para mais de 30 adultos respirarem durante um dia. 

Anúncios

Entendendo o funcionamento do motor do Hyundai Nexo

O abastecimento do Nexo é muito semelhante ao modo de abastecer um carro com etanol ou gasolina. 

Assim que o hidrogênio entra no carro ele é armazenado em um tanque sob pressão. 

Então, a partir daí ele vai para uma célula de combustível.

Nessa célula, o hidrogênio encontra o oxigênio, se misturam e passam por catalisadores. 

Os catalisadores, então, transformam a mistura em energia elétrica. 

E é essa energia elétrica que é responsável por movimentar o Nexo. 

Mas calma que ainda tem mais. 

Pelo escapamento, o nexo libera somente vapor de água, ajudando a purificar o ar por onde passa. 

Ou seja: tecnologia em prol do meio ambiente. 

Qual o preço do modelo?

Hyundai Nexo parte de US$ 70 mil. Fonte: Pexels.
Hyundai Nexo parte de US$ 70 mil. Fonte: Pexels.

Sempre que falamos sobre determinado modelo e seus atributos uma dúvida muito comum vem à tona:

Afinal, quanto custa o Hyundai Nexo? 

O preço do modelo é hoje estabelecido em US$ 70 mil, equivalente a R$ 350 mil atualmente.

Os compradores do Nexo têm direito a garantia de 160 mil quilômetros ou 10 anos.

Afinal, esse é o prazo para que os componentes da tecnologia de hidrogênio funcionem de maneira adequada.

Pois, após esse período, a eficiência do sistema começa a diminuir. 

Embora seja uma tecnologia apontada como desejável, infelizmente ainda não temos uma data para o modelo chegar ao mercado brasileiro. 

Quais as vantagens e desvantagens: Hyundai Nexo Review

Aparentemente o nexo possui somente vantagens, não é mesmo?

Contudo, a gente já adianta que não. 

Embora seja difícil acreditar, o modelo também possui desvantagens, como vamos mostrar a seguir. 

Vantagens

Agora, nossos especialistas vão listar para você quais são as principais vantagens do Hyundai Nexo. 

Sustentabilidade

A sustentabilidade tem sido a máxima da indústria automotiva nos tempos atuais, e o fato do Nexo não gerar poluentes é, sim, uma grande vantagem.

Mas é importante ter em mente que embora o nexo não emita poluentes ao rodar, em algum momento para sua fabricação algum tipo de dano ao meio ambiente ocorreu.

Contudo, o fato de limpar o ar enquanto roda, acaba por neutralizar o CO2 emitido em sua produção. 

Por isso, o nexo é considerado um veículo verde, ou seja, amigo do meio ambiente. 

Abastecimento rápido

Essa é uma vantagem importante do Hyundai Nexo. 

Seu abastecimento é muito semelhante aos de veículos à combustão, basta ir até o posto, conectar a mangueira e em pouco menos de 5 minutos o abastecimento está concluído. 

Assim, diferente dos carros elétricos, não é preciso ficar esperando horas até que a carga esteja completa. 

Autonomia

E a grande principal vantagem do modelo é a sua grande autonomia. 

Inclusive, a questão da autonomia é uma vantagem não apenas do Hyundai Nexo, mas de todos os veículos movidos à hidrogênio. 

Certamente no futuro próximo, vamos nos deparar com veículos movidos à hidrogênio com autonomia superior aos 1000 km.

Desvantagens

E como a gente havia dito, o modelo conta ainda com algumas desvantagens específicas.

Mas isso só ocorre pelo fato de contar com uma tecnologia que ainda é nova.

Assim, bora conferir então, quais são os “pontos negativos” do Hyundai Nexo. 

Dificuldade para abastecer

A principal desvantagem do Hyundai Nexo hoje é a dificuldade para abastecer. 

Isso se deve ao fato de postos de combustível de hidrogênio serem ainda raros. 

Mesmo em países onde veículos movidos à hidrogênio já são uma realidade, essa é a principal queixa dos donos desse tipo de automóvel.

Contudo, com a popularização dos veículos, novos postos de abastecimento surgirão. 

Preço

O preço é outra desvantagem.

Por ser uma tecnologia relativamente nova, os custos tanto para a produção do hidrogênio como combustível, assim como dos veículos em si ainda são elevados. 

Por isso, o Hyundai Nexo, mesmo lá fora, ainda não é para todo mundo. 

Mas a exemplo da escassez de postos, com a popularização da tecnologia, os preços naturalmente baixam.

Prazo de validade do sistema

Essa é outra desvantagem do Hyundai Nexo. 

A capacidade de funcionamento do sistema veicular a hidrogênio é de dez anos. 

Depois desse período, o sistema começa a perder eficiência. 

Mas a exemplo das outras desvantagens citadas, com a popularização e aumento da produção do sistema, isso é algo que certamente será resolvido. 

Carros movidos a hidrogênio são o futuro!

Embora o momento do setor automotivo seja de veículos elétricos, nossos especialistas afirmam:

O futuro do setor automotivo será o hidrogênio.

E como a gente acabou de te falar tudo sobre o Hyundai Nexo que tal conhecer essa tecnologia um pouco mais a fundo?

Nossos especialistas produziram um conteúdo especial falando sobre veículos movidos a hidrogênio.

Assim, para aprender mais sobre o futuro do setor automotivo, você precisa apenas clicar abaixo.

Saiba tudo sobre veículos movidos a hidrogênio

Conheça toda a tecnologia por trás dos veículos movidos a hidrogênio e como eles vão superar os elétricos em breve!

Sobre o autor

Murilo C.

Redator especialista em carros, se identifica com conteúdos relacionados a lançamentos e análises de veículos e acredita que compartilhar conhecimento na área ajuda todos a tomarem melhores decisões em busca do veículo ideal para cada tipo de perfil.

Em Alta

content

5 dicas para fazer a embreagem do carro durar mais

Confira 5 dicas para fazer a embreagem do carro durar mais e assim dirigir de maneira segura e também econômica!

Continue lendo
content

Volkswagen Gol 2021: Depois de 40 anos modelo continua funcional!

Com 40 anos de vida, o Gol ainda é um carro que tenm lenha para queimar. Prova disso, é o lançamento do Gol 2021 que traz algumas novidades interessantes!

Continue lendo
content

Como comprar Toyota Yaris: Conheça as diferentes maneiras

Senhor Carros | Os melhores artigos sobre carros da internet! Como comprar Toyota Yaris: Conheça as diferentes maneiras

Continue lendo

Artigos

Saiba quais são os 15 carros mais roubados no Brasil

No Brasil, a SUSEP - Superintendência de Seguros Privados, permite consultar índices de veículos roubados e furtados, assim como o número de sinistros de cada modelo. Com isso, alguns carros acabam sendo vendidos em maior quantidade e por terem maior comercialização, acabam por ter um maior número de roubos e furtos

Está pensando em comprar um carro? Saiba quais são os veículos mais visados e consequentemente roubados no Brasil, antes de efetuar a compra. 

É mais do que sabido que o brasileiro é um povo apaixonado por carros, mas antes de se conectar com aquele veículo que você tanto gosta, é importante uma avaliação prévia de uma série de fatores, além do valor do carro em si. Duas informações relevantes que você precisa conhecer são: O valor do seguro e o índice de roubos do modelo do carro escolhido.

No Brasil, a SUSEP – Superintendência de Seguros Privados, permite consultar índices de veículos roubados e furtados, assim como o número de sinistros de cada modelo. Com isso, alguns carros acabam sendo vendidos em maior quantidade e por terem maior comercialização, acabam por ter um maior número de roubos e furtos.

Com o intuito de informar e te ajudar, selecionamos os 15 carros mais roubados do Brasil. Se você tem planos de comprar um veículo em breve e não quer ter que pensar em sinistros e franquias, não deixe de ler o conteúdo a seguir.

Os 15 carros mais roubados do Brasil 

Vamos mostrar agora os 15 carros mais roubados do Brasil.

15 – Fiat Uno

Muito conhecido do brasileiro o Fiat Uno é mais do que conhecido de muita gente. Seu preço acessível, faz desse popular da montadora italiana, uma ótima opção de entrada, pelo seu valor, baixo consumo e valores acessíveis de manutenção.

Entretanto, todos os itens chamativos para compradores, também chamam atenção de bandidos, pois a cada 64 unidades, uma será roubada.

14 – Kia Cerato

O Kia Cerato está longe de ser um carro popular, pois seus valores se iniciam na faixa dos R$ 70 mil. Com motorizações diferentes, sendo 1.6 e 2.0, além de amplo espaço interno, acessórios de série e amplo porta-malas ele é uma ótima opção para famílias grandes.

No entanto, ladrões também parecem apreciar todas essas configurações, pois a cada 71 unidades, uma é roubada.

13 – Honda City

Conhecido e admirado carro da montadora japonesa, o Honda City também está longe de ser um veículo popular. Em 2020, o veículo conta com motorização única 1.5 i-VTEC que gera 115 e 116 cavalos com gasolina e etanol, respectivamente.

Potente, repleto de acessórios de série e amplo porta-malas, o City também chama a atenção de bandidos. A cada 76 unidades nas ruas, uma é roubada.

12 – Hyundai ix35

Aqui temos mais um exemplo de veículo que não é popular, mas que apresenta um alto índice de roubos. Esse famoso e chamativo SUV é repleto de acessórios, com motorização flex e poderosa, na casa dos 165 cv além de amplo espaço interno e grande espaço no porta-malas. A cada 81 unidades nas ruas, uma é roubada.

11 – Volkswagen Fox

O Volkswagen Fox veio pra suprir uma lacuna nos carros da montadora alemã, um vez que muitos usuários tinham que migrar direto do gol, para carros maiores, como o Golf.

Com diferentes motorizações e pacotes de acessórios o Fox acaba sendo uma escolha óbvia das pessoas, e infelizmente dos ladrões. a cada 82 unidades, uma é roubada.

10 – Fiat Mobi

O Simpático Fiat Mobi, se tornou há pouco tempo a porta de entrada para aqueles que desejam comprar um carro. Além de ter um preço acessível, alguns acessórios como ajustes automáticos nos retrovisores e câmera no retrovisor interno se fazem presentes no modelo. 

Outro ponto interessante do Fiat Mobi são suas configurações diferenciadas para agradar diferentes gostos, tem até Mobi com Kit Cross. O problema é que ele é tão legal, que acaba chamando atenção de ladrões, sua média de furto é de 1 a cada 85 modelos. 

9 – Volkswagen Voyage

A Volkswagen sempre teve fãs fiéis à marca. É muito comum que seus modelos se façam presentes nas listas de veículos mais vendidos, e também de mais roubados. Embora o Voyage não seja o carro mais vendido da montadora, ele é atualmente o mais roubado, pelo fato de ter peças que podem ser usadas em outros modelos, um porta-malas robusto e motores de qualidade. Seu índice de roubo está na cada de 1 para 90.

8 – Ford Fusion 

Embora esteja fora da linha de populares, infelizmente o Ford Fusion apresenta números de carros populares quando o assunto é roubo, embora ele não seja tão comercializado quanto carros mais acessíveis. 

Repleto de acessórios, com motores poderosos e até mesmo uma versão híbrida, o Fusion é bastante sofisticado, com bons motores, muita potência e um porta-malas mais do que elogiado. Porém os números de roubos são preocupantes, com um carro roubado a cada 91 unidades nas ruas. 

7 – Volkswagen Gol 

O gol, é muito parecido com o Voyage, a diferença se dá basicamente na ausência de um porta-malas. Trata-se de um modelo popular, considerado por muitos como veículo de entrada da montadora alemã. Um dos populares mais queridos do Brasil, possui hoje, uma média de 1 unidade roubada para 98 que estão nas ruas. 

6- Fiat Grand Siena 

Amplamente criticado no passado por conta de problemas no câmbio, os modelos anteriores, que deram origem ao Grand Siena eram amplamente criticados e evitados até o passado recente, mas felizmente essa história mudou.

O Fiat Grand Siena é hoje um campeão de vendas que oferece muito pelo seu valor, tais como acessórios de série, poderosa motorização, além de um amplo porta-malas. Entretanto, quando o assunto são os roubos seus números desagradam. O Grand Siena tem hoje um veículo roubada para cada 116 que estão rodando. 

5 – Renault Logan 

Com fábricas no Brasil desde 1998, a Renault já produziu mais de 3 milhões de veículos, além de motores destinados a vários países da América latina. A nova geração dos carros da conhecida montadora francesa é conhecida pelo sua economia de consumo de combustível. 

Com versões 1.0 e 1.6 o Renault Logan possui valores atraentes, além de itens de série de qualidade, por isso caiu rapidamente no gosto do consumidor, subindo na tabela dos mais vendidos. Entretanto um cada 119 é roubada. 

4 – Volkswagen Golf 

O Volkswagen Golf é um dos carros mais admirados pelos brasileiros. Trata-se de um caso de sucesso, também em outros países do mundo. O modelo chegou por aqui em 1994 e já teve mais de 35 milhões de unidades vendidas em todo o globo.

Considerado como um esportivo, potente e divertido de dirigir, ele não chama atenção apenas dos apaixonados por carros. A média de roubos é de um para cada 121 modelos que estão nas ruas. 

3 – Chevrolet Spin 

O Chevrolet Spin passou por um processo de reformulação, ficando mais atrativa, repleta de tecnologias, com desempenho surpreendente e um preço relativamente barato, com valores iniciais na faixa dos R$ 70 mil, cifras baratas para um carro capaz de levar até 7 passageiros. 

Entretanto, o Chevrolet Spin não chama atenção por seus números de vendas, mas sim pelos números de roubos, com uma unidade roubada a cada 145 vendidas. Especialistas de seguro afirmam que seu tamanho e desempenho são os principais atrativos para os bandidos.

2 – Hyundai HB20

Nas ruas do Brasil desde o ano de 2012 o HB20 sofreu uma reestilização e está em uma geração. O veículo foi desenvolvido e produzido exclusivamente para o mercado brasileiro e ficou entre os mais vendidos desde então.

Por conta de sua popularidade, acessórios e valor relativamente acessível, não é de se surpreender que o carro figure nessa lista. Uma a cada 150 unidades é roubada nas ruas brasileiras. 

1 – Nissan Sentra 

Embora tenha valores distantes de veículos populares, com início na faixa dos R$ 80 mil, o Nissan Sentra está longe de ser um carro para a maioria dos brasileiros. 

Entretanto, alguns fatores como motor potente, acessórios de série e um amplo porta-malas fazem desse modelo, um verdadeiro chamariz para assaltantes. A cada 152 unidades desse modelo, uma é roubada. 

Você também pode gostar

content

Prós e contras do Renault Kwid: Como é ter um exemplar em casa

Senhor Carros | Os melhores artigos sobre carros da internet! Prós e contras do Renault Kwid: Como é ter um exemplar em casa

Continue lendo
content

Evolução do Fiat Uno: O Veículo Da Fiat Com Maior Presença No Mercado!

Em nosso quadro "Evolução Dos Carros" iremos mostrar hoje para você a incrível e resitente evoluçã do Fiat Uno, clique e confira!

Continue lendo
content

10 erros cometidos por motoristas de aplicativo: conheça e evite

Saiba quais são os principais erros cometidos por motoristas de aplicativos e descubra como evitar cada um deles!

Continue lendo