Avaliação de veículos

Caoa Chery Tiggo 5X 2021: Novidades e vantagens do SUV

Conheça as novidades e as vantagens de se ter um Caoa Chery Tiggo 5X 2021 na garagem.

por

Murilo C.

Publicado em

ANÚNCIOS

Caoa Chery Tiggo 5X 2021 vem para debulhar a concorrência

Recém-lançado no Brasil, o Caoa Chery Tiggo 5X ganhou uma série de atualizações tanto em termos visuais, quanto em termos de equipamento. Hoje o modelo é o mais importante da marca no Brasil, sendo o representante com o maior volume de vendas no disputado segmento dos SUVs compactos. 

Conteúdo Recomendado

Ver como comprar Caoa Cherry Tiggo 5X

Conheça as melhores formas para comprar um Cherry Tiggo 5X através de um ótimo negócio e ter na garagem um dos melhores SUVs compactos do país.

  • Categoria: SUV compacto;
  • Preço médio usado: R$ 65 mil;
  • Preço médio novo: R$ 100 mil; 
  • Versão recomendada: Caoa Chery Tiggo 5X TXS;
  • Consumo médio cidade:  7 km/L;
  • Consumo médio estrada: 11 km/L.

Desde a versão de entrada o Tiggo 5X conta com itens de série que não são encontrados nos concorrentes. 

Em 2020, mesmo com a crise, o modelo da Caoa Chery atingiu a marca de 8.764 unidades emplacadas. Já nos primeiros meses de 2021 foram comercializadas pouco mais de 1.600 unidades. 

A meta da marca é colocar o modelo dentro do top five esse ano e partir de 2022 lutar pelo top 3 da categoria. 

São metas ousadas, porém totalmente realistas, visando a qualidade do modelo.

Como sempre fazemos, nosso objetivo aqui é te trazer o máximo de informações de qualidade, para te ajudar a fazer melhor compra possível.

Assim, é chegada a hora de conhecer tudo o que o Caoa Chery Tiggo 5X 2021 tem para oferecer. Bora lá?

Caoa Chery Tiggo 5x 2021: As novidades

O modelo que chegou ao Brasil em 2018 passou por um facelift em 2020 e para 2021 ganhou algumas novidades interessantes em termos de design e interior. Vamos conhecer todas elas agora. 

Exterior

Em termos de visual exterior, as atualizações deixaram o modelo compacto muito semelhante ao seu irmão maior, o Tiggo 7. 

O destaque vai para os novos faróis que agora são mais afilados, a grade e o para-choque dianteiro! 

Na parte inferior, onde antes haviam faróis de neblina, agora há filetes de Leds mais modernos que servem também para o uso diurno. 

Na parte de trás, as lanternas também de Leds, foram totalmente redesenhada. O outro destaque fica por conta da barra horizontal cromada na tampa do porta-malas que cresceu e passou a integrar o acabamento. 

Interior

Por dentro o Tiggo 5X 2021 recebeu equipamentos interessantes. O que era bom, ficou ainda melhor. 

Embora seja um carro que sofra um pouco de preconceito por ter “origem” chinesa, é importante ressaltar que o amplo espaço e o acabamento refinado dão o tom quando falamos de interior. 

E para tirarmos essa pecha de que veículo produzido na China não é bom, é importante ressaltar que o modelo é produzido na fábrica da empresa em Anápolis no estado de Goiás. 

Por isso, a desculpa de que o modelo é chinês e não é bom já não é mais válida! Conforme você vai ver a seguir, o Tiggo 5X 2021 é um dos melhores do seu segmento (se não fosse, nós não estaríamos falando dele).

Dimensões

Em termos de dimensão o Tiggo 5X 2021 agrada. 

O SUV compacto conta com 4,33 metros de comprimento; 1,83 metros de largura; 1,64 metros de altura e 2,63 metros de distância entre-eixos, o que garante o conforto interno, principalmente para os ocupantes do banco de trás. 

Dimensões do Tiggo 5X são positivas

Já falando de capacidade, o porta-malas possui capacidade para 340 litros enquanto o tanque é capaz de absorver 57 litros de combustível, o que dá ao modelo uma ótima autonomia, tanto para rodar na cidade quanto em rodovias. 

Paleta de cores

Como forma de ficar ainda mais bonito, o Caoa Chery Tiggo 5x 2021 conta com uma ampla paleta de cores para ninguém botar defeito. 

É possível escolher o seu exemplar em qualquer uma das seguintes colorações:

  • Branco perolado;
  • Cinza metálico;
  • Prata metálico;
  • Preto metálico;
  • Vermelho perolizado.

Tecnologia e conectividade em alto nível

Depois de uma introdução em termos de design e beleza do SUV compacto é hora de conhecer um dos pontos altos no modelo: Seu alto poder de conectividade e a ampla tecnologia embarcada. 

Vamos te mostrar agora tudo e mais um pouco o que o SUV tem para oferecer em termos de tecnologia e conexão. Podemos afirmar sem nenhum tipo de exagero que o Tiggo 5X é um computador com quatro rodas. 

Central Multimídia

A central multimídia é uma das principais atrações em termos de conectividade, começando por sua tela de 9 polegadas, posicionada de forma estratégica e sensível ao toque. 

Ela conta com um sistema de GPS próprio, além de ser capaz de se conectar com smartphones com sistema Android ou IOS através dos sistemas Android Auto e Apple CarPlay. 

Dessa maneira, é possível realizar o famoso espelhamento e ter acesso a whatsapp, telegram, waze, Google Maps, Spotify e muitos outros por meio da Central. 

Além disso, a central conta ainda com um sistema de câmera 360º que permite visualizar tanto a traseira, quanto a dianteira do veículo. Isso garante manobras mais fáceis e seguras em todo tipo de situação. 

Computador de bordo

Outro item em termos de tecnologia e conectividade que agrada bastante é o computador de bordo com tela colorida de TFT de 4,8 polegadas. 

Suas funções podem ser acessadas por meio de um painel de instrumentos digitais no meio do painel.

É possível ter acesso a autonomia, consumo médio e instantâneo, aviso de parada para descanso, alarme de velocidade, calibragem de pneus e muito mais. 

Piloto automático e volante funcional

Outro item que se faz muito necessário nos dias de hoje é o piloto automático de modo conjunto com o volante funcional. 

Conectividade é ponto alto nos carros da montadora!

A união de ambos traz segurança, evita multas e permite o acesso a uma série de informações do veículo sem ser preciso tirar as mãos do volante e o olho da estrada. 

Embora sejam dois itens tecnológicos, eles poderiam muito bem ser colocados como segurança e conforto!

Sistema de chave presencial e botão de partida

Como ocorre em muitos modelos, usar a chave para dar partida é algo que está se tornando obsoleto. Seguindo a tendência da concorrência o Caoa Chery Tiggo 5X 2021 conta com um sistema de reconhecimento de presença da chave e botão de partida. 

Através de sensores, o veículo reconhece a proximidade da chave, abrindo e fechando as portas de modo automático e permitindo que a partida seja dada com o simples apertar de botão que está estrategicamente posicionado ao lado do câmbio. 

Acendimento automático dos faróis

O Tiggo 5X 2021 conta com sensores de escuridão que notam a ausência de luminosidade e acende os faróis de maneira automática, garantindo visibilidade e segurança do condutor e ocupantes. 

Banco com ajuste elétrico

O banco do motorista conta com ajuste elétrico de posicionamento e lombar. Tudo isso é pensado para garantir o máximo de conforto para o condutor nos deslocamentos rodoviários e urbanos. 

Níveis de segurança elevados

Além de todo o poder em termos de tecnologia embarcada, outro grande destaque do Chery Tiggo 5X 2021 é o seu alto nível em termos de segurança. 

Os carros da montadora se destacam pelo alto nível de segurança em todas as suas versões e segmentos. Vamos te mostrar agora os principais destaques em termos de segurança embarcada no SUV compacto. 

6 airbags

O item de segurança mais lembrado quando se fala de segurança são os Airbags. No total o Tiggo 5X 2021 conta com 6 airbags ao todo. 

São dois frontais, dois laterais e dois do tipo de cortina. Dessa maneira todos os ocupantes ficam protegidos em casos de incidentes ou acidentes. 

Sistema IsoFix

Outro item de segurança bastante procurado e necessário nos dias de hoje é o sistema de segurança Isofix, desenvolvido para prender as cadeirinhas infantis no banco de trás e garantir a segurança dos pequenos em qualquer tipo de trajeto. 

Freio a disco nas quatro rodas

Como se sabe o sistema de freio ABS é obrigatório por lei em carros que saem de fábrica no Brasil, mas no Tiggo 5X o sistema de freios é ainda melhor. 

O modelo conta com freios a disco em todas as rodas, o que garante o máximo de eficiência em todo e qualquer tipo de frenagem. 

Caoa Cherry Tiggo 5x 2021 possui freio à disco nas quatro rodas

Embora possa parecer um absurdo, existem alguns SUVs compactos comercializados no Brasil que embora possuam sistema de freio ABS, contam com dispositivos a tambor nas rodas traseiras. 

Controles de tração e estabilidade

No Tiggo 5X os sistemas de tração e estabilidade atuam de maneira conjunta. Isso ocorre para garantir o máximo de aderência ao SUV, seja em piso molhado ou em piso seco. 

No momento em que os sistemas detectam qualquer tipo de perda de aderência em alguma das rodas, automaticamente o motor sofre alteração no modo de funcionamento e os freios são ativados de forma autônoma para que o controle e aderência sejam restabelecidos. 

Sistema de partida em rampa

O sistema de partida em rampa é outro item de segurança muito importante. Como o nome já diz, o sistema auxilia o SUV a se movimentar a partir de aclives. 

O sistema de partida em rampa mantém o SUV parado até que o condutor pise no acelerador evitando que o carro volte para trás antes de ir para frente, prevenindo qualquer tipo de acidentes ou incidentes. 

Sensores de estacionamento

O Tiggo 5X 2021 conta com sensores de estacionamento, afinal por ser um SUV compacto robusto, realizar manobras pode ser um pouco difícil. 

No entanto, por meio alertas sonoros e a câmera de 360º, balizas e manobras se tornam mais fáceis e consequentemente seguras. 

Câmera de ré

E para finalizar os itens voltados à segurança temos a câmera de ré, que é automaticamente ativada na central multimídia no momento em que a marcha a ré é engatada. 

Tiggo 5X conta com câmera de ré e visor 360º

Com guias dinâmicas de direção ela ajuda o motorista a realizar os mais distintos tipos de baliza. 

Motorização

O motor utilizado no Caoa Chery Tiggo 5x 2021 é um 1.5 litro turbo flex, dotado de quatro cilindros, bloco e cabeçote de alumínio, com duplo comando de válvulas variável e coletor de admissão variável. 

Esse propulsor é capaz de desenvolver 147 cavalos de potência quando abastecido com gasolina ou 150 cavalos com etanol. O torque de 21,4 kgfm é o mesmo com ambos os combustíveis e já surge em rotações abaixo de 2.000 rpm. 

Os mais atentos irão notar que é o mesmo motor usado no sedã compacto da marca, o Caoa Chery Arrizo 5, mas como um aprimoramento para maior geração de torque, principalmente em uma faixa de rotação mais curta, já que o SUV é 80 km mais pesado que o sedã.

Motor 1.5 turbo Flex do Tiggo 5X agrada

Junto a essa motorização, o Tiggo 5x 2021 conta com uma transmissão DCT automatizada de seis marchas e dupla embreagem, com a opção de trocas de marchas manuais sequenciais pela alavanca no console central. A tração é dianteira. 

O SUV conta ainda com dois modos diferentes de condução: Drive e Sport que são alternáveis com um simples toque no botão presente no console central. 

Consumo de combustível

O consumo de combustível do modelo deixa um pouco a desejar. 

Quando abastecido com etanol, o Caoa Chery Tiggo 5X 2021 consegue entregar um consumo de 6,7 km/L na cidade e 8 km/L na estrada. 

Já quando abastecido com gasolina, o modelo faz 9,8 km/L em centros urbanos e 11,7 km/L em rodovias. 

De acordo com dados do Inmetro, o modelo emite 0 g/km de CO2 com etanol e 126 g/km quando abastecido com gasolina. 

Desempenho

O desempenho do exemplar agrada. 

De acordo com dados da Chery o modelo atinge a velocidade de 100 km/h em 11 segundos e possui velocidade máxima de 180 km/h. 

O câmbio de seis velocidades é bem distribuído o que faz com que o Tiggo 5X apresente bom desempenho nas mais variadas situações, algo positivo, agradável e seguro. 

5 anos de garantia H2 

Nada como uma boa garantia de fábrica para convencer os clientes a comprarem um novo produto, ainda mais para vencer a desconfiança de ser um veículo de origem chinesa, mesmo que seja produzido no Brasil. 

Hoje o Tiggo 5X conta com uma garantia de 5 anos, algo que pode ser visto como muito positivo, pois não há semelhante nos seus concorrentes. 

A montadora oferece ainda o Caoa Chery Assistance, um serviço gratuito que está disponível 24 horas por dia para os proprietários de veículos da marca que é uma verdadeira mão na roda em termos assistenciais. 

Caoa Cherry Tiggo 5X 2021: Preços e versões

A exemplo da concorrência o Tiggo 5X 2021 é comercializado em diferentes versões, e consequentemente valores que podem ser conferidos abaixo:

Caoa Chery Tiggo 5X T 2021: R$ 91.990

Caoa Chery Tiggo 5X TXS 2021:R$ 102.990

Com é fácil notar, o modelo possui valores dentro da média do seu segmento, sendo inclusive mais barato que alguns de seus concorrentes, o que deve ser visto como positivo. 

Vantagens e desvantagens do Caoa Chery Tiggo 5X 2021

Depois de conhecer o SUV compacto você provavelmente já imaginou um exemplar na sua garagem e pensou como é ter um exemplar para rodar no dia a dia. 

Pois bem, se você apenas pensou, a gente executa para você e traz agora todos os prós e contras do Tiggo 5X. Bora conhecer?

Vantagem: Design

O primeiro ponto positivo do Tiggo 5X é o seu design. O carro é mais bonito do que muitos de seus concorrentes. 

Mesmo sendo um SUV compacto e considerado como um Crossover por alguns, ele possui um porte robusto que chama atenção!

Tão importante quanto ser bom, um carro precisa ser bonito. Já dissemos e vamos continuar dizendo que carro feio não vende, pois a primeira coisa que alguém vê em um carro é a beleza e em termos de beleza, o Tiggo 5X se sai muito bem!

Vantagem: Qualidade do acabamento

A segunda vantagem do Tiggo 5X 2021 é a qualidade do seu acabamento. Na verdade, todos os modelos da marca apresentam um acabamento muito bom.

Isso é algo importante de ser levantado, para que se retire a pecha de que veículos de montadoras chinesas não são bons em termos de acabamento. 

Qualidade do acabamento é surpreendente

Todo o material utilizado no interior e também no exterior é de boa qualidade. 

Desde os encaixes das peças, até as costuras dos bancos e dos volantes agradam até que é exigente. Quando comparados a concorrentes diretos, como é o caso do Creta, por exemplo, o Tiggo 5X dá um show. 

Vantagem tecnologia e segurança

Aqui temos na verdade um ponto que é duplamente positivo e que precisa ser levado em consideração. 

Quando se fala em equipamentos e tecnologia, a marca arrasa e oferece muito mais do que a concorrência e isso é facilmente notado no Tiggo 5X.

Além disso, aliada à tecnologia, os sistemas de segurança também devem ser exaltados.

Os mais variados equipamentos e sistemas de segurança, fazem do exemplar um dos SUVs mais seguros comercializados no Brasil. 

Conforto e espaço interno

O SUV é confortável em termos de espaço e de acústica. 

O motorista tem ao seu dispor banco com ajustes elétricos. Na parte de trás os três ocupantes viajam de modo confortável e o porta-malas, embora não seja o maior da categoria da conta do recado.

O câmbio de seis marchas, com bom torque em rotações mais baixas aliado ao isolamento acústico não deixa que o barulho do motor invada a cabine, permitindo viagens silenciosas e agradáveis. 

Vantagem preço

Uma das principais vantagens e trunfo do Caoa Cherry Tiggo 5X 2021 é o seu preço. Normalmente, a montadora possui valores mais acessíveis em todos os segmentos em que atua. 

Dois casos clássicos de modelos mais baratos que a concorrência em seus segmentos são o Tiggo 8 e o Arrizo 6. Eles são muito bons, mais baratos e possuem muita qualidade. 

Vantagem: Baixo custo de manutenção

A Caoa Cherry possui hoje uma estrutura de assistência diferenciada e de qualidade. 

Hoje a marca conta com mais de 100 pontos de vendas e revisões com preços fxos além dos cinco anos de garantia. 

Até alcançar os 60 mil km, o dono do Tiggo 5X vai gastar R$ 3.391 em todas as revisões, o mesmo que gastaria o dono de hatches como Hyundai HB20 ou Chevrolet Onix. 

Desvantagem: Consumo

Depois de conhecer todos os pontos positivos, é hora de conhecer os pontos negativos do SUV. 

O primeiro deles é o consumo, principalmente quando abastecido com etanol. As médias do Tiggo 5X não são muito convidativas para quem precisa rodar exclusivamente dentro da cidade.

No uso rodoviário, o SUV compacto apresenta boas médias, mas é melhor encher o tanque com gasolina. 

Desvantagem: Ausência de Shift Paddles

Embora não seja um veículo com proposta esportiva, o Tiggo 5x conta com um modo de condução Sport que permite uma tocada mais agressiva. 

Ausência de Shift Paddles é ponto negativo

Convenhamos que para uma condução esportiva merece um câmbio manual ou na ausência da embreagem no pé, o mínimo que se espera são as famosas borboletas no volante. 

Desvantagem: Peças caras

Embora tenha bom preço, garantia de 5 anos e um plano barato e bem organizado de revisões, o valor das peças de revisões podem assustar os mais desavisados. 

No entanto, é preciso ter em mente que nos dias de hoje, veículos são feitos com muita qualidade embarcada e a necessidade de peças de revisões atualmente é bastante rara. 

Por isso, embora seja uma desvantagem, não é algo propriamente dito com que seja preciso se preocupar. 

Conclusão

Parece algo subjetivo, mas pra muita gente ainda é um tabu comprar um carro de origem chinesa. 

E isso acaba pesando um pouco no Tiggo 5X que tem um pouco de rejeição e apresenta uma desvalorização um pouco acima da média do concorrente por conta de seu DNA oriental, algo totalmente injusto, diga-se de passagem. 

De maneira geral, o Tiggo 5X é sem sombra de dúvidas uma das melhores alternativas dentro do seu segmento, e tem como um poderoso atrativo o fato de ser mais barato e completo do que muitos concorrentes. 

Agora que você já sabe tudo sobre o Caoa Chery Tiggo 5X 2021 você certamente deve estar pensando em comprar um exemplar para chamar de seu.

Pensando em te trazer informações de qualidade, nossos especialistas preparam um artigo muito especial mostrando dicas de como fazer um bom negócio para comprar o seu exemplar. 

Para conhecer o caminho das pedras para comprar um Tiggo 5X você só precisa clicar logo abaixo. 

Conteúdo Recomendado

Ver como comprar Caoa Cherry Tiggo 5X

Conheça as melhores formas para comprar um Cherry Tiggo 5X através de um ótimo negócio e ter na garagem um dos melhores SUVs compactos do país.

Redator especialista em carros, se identifica com conteúdos relacionados a lançamentos e análises de veículos e acredita que compartilhar conhecimento na área ajuda todos a tomarem melhores decisões em busca do veículo ideal para cada tipo de perfil.

Artigos

Os 22 piores carros já produzidos no Brasil

por

Murilo C.

Publicado em

| Atualizado em

Poucos sabem, mas muitos carros já foram fabricados no Brasil e nem sempre o resultado foi um dos melhores, uma boa parte dos modelos produzidos nacionalmente recebeu duras criticas e alguns até já saíram de linha.

Então, preparamos para você uma lista bem dinâmica dos 22 piores carros já fabricados no BrasilAcompanhe abaixo — tem até carro brasileiro  — e vamos ver juntos quais foram os piores carros fabricados no país.

Gurgel

22 - Fiat Marea

Iniciamos nossa lista com o deteriorado Fiat Marea, carro nada econômico e que fazia seus donos terem dor de cabeça. O veículo da Fiat saiu de linha há mais de uma década, não obteve sucesso e nem um bom retorno de vendas desde seu lançamento. Alguns o chamavam de “carro problemático”, já que tinha que trocar completamente o seu motor se a sua correia dentada rompesse. Sem sombra de dúvidas, o Fiat Marea foi um dos piores carros fabricados no Brasil.

Fiat Marea

21 - Seat Córdoba

O Córdoba da espanhola Seat entra em nossa lista por fatores que envolvem estrutura e desempenho. Alguns dos principais problemas do Seat Córdoba que o faz ser um dos piores carros fabricado no Brasil era o preço de suas peças e a sua assistência técnica, que tornava o custo de manutenção proibitivo.

Seat Cordoba

20 - Volkswagen Jetta

Este veículo da Volkswagen perde sem muito esforço no mercado. O Jetta 2.0 tem o mesmo valor de carros de alto nível como o Honda Civic. Pouco econômico, fazendo apenas 7 km/litro na cidade e mesmo sendo 2.0, tem uma potência de 120 cv, que é inferior a muitos carros com motor 1.6 ou até mesmo 1.0.

Volkswagen Jetta
Volkswagen Jetta

19 - Fiat Freemont

O Fiat Freemont de início tinha uma proposta muito boa, mas o carro tem um péssimo custo benefício e um baixo desempenho. Com câmbio automático, o Freemont conta com somente 4 marchas, a potência entrega uma rotação muito alta com uma performance muito fraca. Por isso o Fiat Freemont é um dos piores carros fabricados no Brasil.

Fiat Freemont

18 - Gurgel

A Gurgel Motors S/A era uma montadora de veículos 100% brasileira, mas faliu devido à falta de incentivo do governo e tributação alta. Teve bons resultados com o modelo BR-800, ganhando até prêmio europeu e batendo de frente com concorrentes do mesmo segmento, como o Fiat Uno da época. Porém, os outros modelos da Gurgel deixaram muito a desejar. O Jipe Tocantis tinha máxima de 117 km/hr e um péssimo desempenho, demorava 25 segundos para fazer 100 km/hr e tinha uma sofrida potência de apenas 50 cv. Levando em conta os modelos da Gurgel e seu fracasso no mercado, seus carros acabam entrando para a lista dos piores carros fabricados no Brasil.

Gurgel

17 - Citroën Xantia

Sempre ressaltamos aqui que a montadora francesa Citroën tem a tecnologia como um dos seus pontos fortes no mercado. Mesmo nas décadas passadas, o Xantia era um carro muito sofisticado para época, e até barato. Mas, o que o torna um dos piores carros fabricados no Brasil é sua manutenção difícil e curiosamente cara, deixava muitos condutores com dores de cabeça.

Citroën Xantia

16 - Chevrolet Blazer

O Chevrolet Blazer é uma proposta bem diferente do que estamos acostumados a ver da GM. Um dos principais motivos que o torna este modelo um dos piores carros fabricados no Brasil é seu baixo consumo de combustível e também o seu preço, que comparando a outros modelos do mesmo preço vale muito mais a pena pensar na concorrência.

Chevrolet Blazer

15 - Troller Pantanal

Este veículo é tão ruim que já passou por um dos piores recalls da história. -  Veja Os 21 piores recalls de carros da história - O Troller Pantanal foi lançado no Brasil em 2006 e teve sua produção ao fim em 2008 quando a Ford comprou a Troller. Em dois anos, foram vendidos apenas 77 unidades. Além de passar por um recall por causa de danos inadmissíveis com o veículo, ele tinha péssimas especificações. Por isso chegou ao fim e se tornou um dos piores carros fabricados no Brasil dos últimos tempos.

Troller Pantanal

14 - Hyundai Veloster

O Veloster, modelo esportivo da Hyundai, já sofreu fortes e severas críticas. O carro é bonito, de fato tem um belo acabamento externo, mas quando falamos em carro esportivo, é difícil pensar que seu motor tem 108 cavalos. Um motor inferior a muitos carros populares por aí, e mesmo sendo um carro chamativo, ele ainda é um dos piores carros fabricados no Brasil.

Hyundai Veloster

13 - Ford Mondeo 

O Mondeo foi uma ótima proposta da Ford, tinha chances de bater de frente com os principais concorrentes da época, como o Gol da Volkswagen, que ganhou a graça do povo. O Mondeo tinha recursos que o faziam ser um carro excelente, mas a Ford fixou o veículo em uma classe de compradores mais alta, encarecendo o carro e tentando encarar os fortes da época, como o GM Ômega. Mas o resultado foi um fracasso de vendas e o carro acabou entrando em extinção.

Ford Mondeo

12 - Kia Carnival

O Kia Carnival é uma porposta boa, mas não boa para o Brasil. O comprimento do veículo não é adequado para as vias nacionais, mas um dos principais pilares que fazem o Kia Carnival ser um dos piores carros fabricados no Brasil é seu custo geral, que é bem caro, e se uma peça quebrar, além da desvalorização imediata, o custo será muito alto, ácima do normal.

Kia Carnival

11 - Dodge Polara

Quando um assunto vai da boca de um a outro, uma vez chega a todos, e se o tema for algo negativo, as hipóteses de recuperar-se são praticamente nulas. E foi o que ocorreu com o pobre Dodge Polara no Brasil, o carro, lançado em 1976, tinha câmbio fraco, motor ruim, manutenção ineficiente e falha nos freios. O brasileiro não perdoa, uma vez que o povo negativou não tem como voltar atrás, durou pouco tempo até que a Chrysler se retirou do Brasil.

Dodge Polara
Dodge Polara

10 - Lada Laika

A proposta do Lada Laika era muito boa, mas não foi bem adaptada no Brasil. Passou por um mico nacional devido a não adaptação para o combustível de gasolina nacional, que tem 25% de álcool diluído. Outro fator que faz o Lada Laika ser um dos piores carros fabricados no Brasil era sua manutenção financeira muito alta, mesmo o carro sendo relativamente barato.

Lada Laika

9 - Fiat Brava

O Fiat Brava é um derivado do Marea, que tem uma péssima fama no mercado. O que justifica um dos motivos de ser um dos piores carros já fabricado no Brasil, que é a sua desvalorização devido a sua má fama com sua linhagem anterior. A suspensão também é outro fator que gera reclamações, motor fraco e dificuldades de encontrar peças, por isso é bem incomum ver um Brava nas vias nacionais hoje em dia.

Fiat Brava

8 - Daewoo Espero

Uma das primeiras marcas coreanas a tentar emplacar no mercado brasileiro foi a Daewoo, que tinha como principal proposta o veículo Espero. A concorrência era muito grande, com carros como Omega e Vectra, o resultado foi um fracasso nas vendas, se tornando um dos piores carros fabricados no Brasil.

Daewoo Espero

7 - Ford Courier

A Courier era uma proposta de picape muito boa da Ford, que era mais um Fiesta com caçamba. Bastante pequena para comportar pesos elevados, como as outras picapes fazem. Design pouco chamativo que atrapalharam nas vendas. A Courier teve grande fracasso e se tornou bem raro vê-la nas vias hoje em dia, tornou-se um dos piores carros fabricados no Brasil.

Ford Courier
Ford Courier

6 - Chevrolet Veraneio

Quando chegou no mercado brasileiro, os consumidores ficaram com o pé atrás, era uma SUV grande, robusta, boa para famílias e trabalhos pesados. Mas, o público que a Veraneio conquistou foi os militares, se tornando camburão e logo depois ambulância. Era bem difícil ver um consumidor comum com uma Veraneio, gradualmente ela foi sumindo e se tornou um dos piores carros fabricados no Brasil.

Chevrolet Veraneio

5 - Autolatina

Este é um dos poucos modelos que é uma parceria de duas montadoras. No caso, Ford e Volkswagen, que era para aumentar seu patamar e crescer a cima da concorrência. O Autolatina pegou fama de “carro-de-oficina” e o povo todo já via o modelo como uma piada. O que prejudicou a imagem da Volkswagen no Brasil, por isso se tornou um dos piores carros fabricados no Brasil.

Autolatina

4 - Peugeot Hoggar

É difícil competir no segmento de pequenas caminhonetes quando há Chevrolet Montana, Volkswagen Saveiro e Fiat Strada como líderes do mercado. A montadora francesa tentou emplacar neste segmento com o modelo Hoggar, com motor 1.4 que muitos diziam ser bastante fraco, consumindo muito combustível e não rendendo nem em estrada vazia. Normalmente estas caminhonetes pequenas servem para trabalho, mas o Peugeot Hoggar carregado piora ainda mais o seu desempenho. Consome mais do que o normal, que já é muito, deixando o condutor com muita dor de cabeça, por isso se tornou um dos piores carro já fabricados no Brasil.

Peugeot Hoggar

3 - Volkswagen Variant II

O Variant II não fez o sucesso que esperava com o público brasileiro, um dos piores carros já fabricados. Produzido pela Volkswagen, tinha um motor bem ruim e um desempenho péssimo, não era de se surpreender que no Brasil este veículo não teria grande reconhecimento, nem com o público geral, muito menos com as vendas, que foram um fracasso total.

Volkswagen Variant II

2 - Fiat Oggi

Em termos como de evolução, o Oggi ficou para trás e travou no tempo, se tornando um dos piores carros já produzidos no Brasil. O câmbio do veículo é uma das principais reclamações de donos ou ex-donos que já tiveram o Oggi. Também dizem que o barulho do escape é insuportável. O carro tem um comprimento interno muito ruim para quem tem uma família, por exemplo. Mesmo tendo uma economia razoável, o veículo tem um péssimo desempenho e desestabiliza qualquer condutor, causando grandes dores de cabeça para seu dono.

Fiat Oggi

1 - Volkswagen 1600 

A princípio, este veículo da Volkswagen rapidamente se tornou uma piada nacional ganhando o apelido de “zé do caixão”. Ainda mais, o Volkswagen 1600 não fez sucesso no Brasil e hoje se tornou um dos piores carros fabricados no Brasil. Sua mecânica é similar ao do fusca, com motor traseiro de 1.6 litro refrigerado a ar, com 50 cv e 11 kgfm associado ao câmbio manual de quatro marchas. Em suma, seu desempenho era terrível, se tornou somente mais uma figurinha do museu de carros que não deram certo no mercado nacional.

Volkswagen 1600

————————- Você também vai gostar ————————-
Os 23 carros populares mais duráveis!
Os 30 Carros Para Evitar De Qualquer Maneira

Continuar Lendo

Em Alta